Images

Gênesis 20:1-7


A volta tímida de Abraão
V-1.
Depois de passearmos pelas desventuras da vida de Ló, a narrativa agora nos leva para Abraão, ainda que a sua vida fosse certamente mais produtiva do que a de Ló, este será mais um momento em que o veremos tropeçar e falhar em confiar no Senhor.

Agora o exemplo de Abraão nos servirá para lembrar que somos sustentados pela graça de Deus, e que devemos orar diariamente para a libertação do pecado.
Então vamos a narrativa;
Abraão novamente deixou a terra prometida, depois de morar em Manre por cerca de 20 anos, seguiu para o sudoeste, a caminho do Egito e fixou sua residência em Gerar: uma região habitada pelos filisteus, cujo rei era chamado Abimeleque.
Segundo consta, era uma região de boas pastagens naquele tempo.
V-2.
Mais tarde, quando estava morando em Gerar, ficou preocupado com o interesse do rei filisteu Abimeleque pela sua esposa Sara.
Havia entre Abraão e Sara um acordo, que fizeram por imposição de Abraão antes de sair de Ur (v.13): em todo o lugar que fossem, Sara devia dizer que era irmã de Abraão - o que era verdade, pois tinham o mesmo pai.
O fato de serem marido e mulher não devia ser divulgado, para não incorrerem no risco de Abraão ser morto por causa de Sara (ela evidentemente era uma mulher muito linda e desejável).
Como ela não tinha filhos, podia passar por solteirona e, sendo estéril, não corria o perigo de gerar filhos fora do casamento.
Então quando Abimeleque viu a Sara, não deu outra, mandou que a trouxessem para ele.
É impressionante que Sara, com a idade de 90 anos, fosse ainda tão atraente para ser desejada por um príncipe palestino.
É certo que apesar de ter 90 anos, tinha uma aparência de uns 40 anos de vida.
V-3.
Mas a felicidade de Abimeleque durou pouco e de noite, num sonho, Deus apareceu a Abimeleque e disse:
_ Você vai ser castigado com a morte porque a mulher que mandou buscar é casada.
V-4.
Abimeleque ainda não havia tocado em Sara e apavorado disse:
_ Senhor, eu estou inocente! Será que vais destruir a mim e ao meu povo?
_ O próprio Abraão disse que Sara é irmã dele, e ela disse a mesma coisa.
_ O que eu fiz foi de boa fé e não sou culpado.
Deus resolveu intervir, principalmente para evitar a possibilidade de que Isaque, próximo a nascer, pudesse ser considerado como filho de Abimeleque e não de Abraão.
V-6.
No sonho Deus respondeu:
_ Eu sei que você fez tudo de boa fé. Portanto, para que você não pecasse contra mim, eu não deixei que você tocasse nela.
V-7.
_ Agora devolva a mulher ao marido dela. Ele é profeta e orará para que você não morra.
_ Mas, se a mulher não for devolvida, eu estou avisando que certamente você morrerá. Você e todos os seus.
Deus tem ciúmes de Seu povo e especialmente de Seus servos.
Deus tinha um plano para Abraão, más Abimeleque estava prestes a interromper.
Abraão não foi inocentado pelo seu comportamento, mas os planos de Deus para ele deveriam continuar.
Se Abimeleque tivesse tomado Sara por mulher, nem Isaque, nem a nação de Israel e muito menos o nosso Senhor Jesus Cristo teriam nascido.
O propósito de Deus não pode ser impedido, embora algumas vezes ele pareça estar sendo ameaçado.
Em Cristo;

Sobre o Autor:
CLAILTON LUIZ Clailton Luiz - Empresário, Palestrante, Especialista em Gestão de Tempo e Produtividade, Escritor, Autor do Livro “Empreendedor Gourmet”, Professional e Self Coach, Leader Coach, Analista Comportamental pela Coaching Assessment. Líder de Jovens e adolescentes, pregador, professor e amante da Palavra de Deus!

3 comentários:

  1. ANTERIORMENTE EM SUA VIDA ABRAÃO TINHA USADO ESTA MESMA TÁTICA COMPROMETEDORA EM VEZ DE CONFIAR EM DEUS. AGORA O VEMOS FALHANDO NOVAMENTE POR NÃO TER VERDADEIRAMENTE VENCIDO OU CONQUISTADO ESTE PECADO. ELE DEVERIA TER ORADO E BUSCADO A AJUDA DE DEUS, EM VEZ DE DEIXAR A PORTA ABERTA PARA FUTUROS PROBLEMAS.

    ResponderExcluir
  2. Abraao nao mentiu, e nem pecou apenas falou meias verdades, genesis 20, sara era sua irma por parte de pai!

    ResponderExcluir
  3. Mesmo ela sendo irmã por parte de pai, a intenção pecaminosa no coração de Abraão era a mentira! Era uma informação falsa.. por que Sara em seu comprometimento principal com Abraão não era de irmão e sim esposa!.
    Eles pregaram uma falsidade ideológica mesmo que em partes se constituiu em uma mentira. E a Justiça de Deus (ainda mais no antigo testamento) não é relativa!

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails