Images

Gênesis 25:1-10


Abraão sai de cena

V-1-5.
Após a morte de Sara Abraão ainda não havia aceitado a idéia de que sua própria idade já era avançada, pelo contrario, desfrutava de notável vigor física e mental, e viveu ainda 38 anos após a morte dela.

O casamento de Isaque pode ter deixado Abraão ainda mais solitário que antes e o induziu a tomar outra esposa para fazer felizes seus últimos anos.

Abraão casou então com outra mulher, que se chamava Quetura, e ela lhe deu seis filhos, cada um com um nome mais estranho que o outro como já estamos acostumados: Zinrã, Jocsã, Medã, Midiã, Isbaque e Sua.

Desses aí só ouviremos falar ainda do Midiã, que é o antepassado dos Midianitas, povo que ainda vai dar trabalho aos descendentes de Isaque.

V-6.
Ao fim de sua vida, Abraão deixou tudo o que tinha para Isaque, mas deu presentes para os filhos das suas concubinas.

Abraão chama Ismael e relembra o plano de Deus para ele e o propósito da partida de Ismael.

Ele sabia, no entanto, que estes outros filhos não deveriam ser deixados alí para desafiar a posição de Isaque como herdeiro da promessa e ancestral do Messias [Romanos 9:7].

Então, antes de morrer, separou-os de Isaque e mandou que fossem morar na terra do Oriente.

Enviar esses filhos "para o oriente" enquanto ele ainda vivia, foi uma precaução contra as contendas após sua morte, particularmente em respeito ao direito de Isaque pela terra de Canaã.

V-8.
Abraão viveu cento e setenta e cinco anos.

Ele morreu bem velho e foi reunir-se com os seus antepassados na eternidade com Deus.

V-9,10.
O estranho é que Ismael não morava com eles, más estava no enterro do pai.
O mais provável é que ele tenha voltado pra casa após a morte de Sara.

Eles o sepultaram na caverna de Macpela, que fica a leste de Manre, no campo de Efrom, que era filho de Zoar, o heteu.

Este era o campo que Abraão havia comprado dos heteus; Abraão e Sara foram sepultados ali.

Ver Ismael, meio irmão mais velho de Isaque, participando dos últimos ritos de seu pai é uma evidência de reconciliação entre eles.

Bom, poucas coisas nos são passadas a respeito dos últimos dias de Abraão, más o que importa é que aprendemos muito com a história deste incrível ser humano.

Aqui termina o estudo da vida de Abraão!

Haaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!

Eu também gostei, este foi o nosso personagem mais importante até agora, más continuaremos com o nascimento de seus netos adiante.

Vamos ver o que nos reserva Isaque, nas próximas postagens.

Em Cristo;

Sobre o Autor:
CLAILTON LUIZ Clailton Luiz - Empresário, Palestrante, Especialista em Gestão de Tempo e Produtividade, Escritor, Autor do Livro “Empreendedor Gourmet”, Professional e Self Coach, Leader Coach, Analista Comportamental pela Coaching Assessment. Líder de Jovens e adolescentes, pregador, professor e amante da Palavra de Deus!

Um comentário:

  1. Note que a sua morte é descrita como ele sendo "congregado ao seu povo". Isto não se refere ao enterro, mas a imortalidade da alma. Nós nos reunimos com nosso povo quando morremos. Você faz parte do mundo ou da família de Deus?

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails