Images

Gênesis 38:2-11 - José do Egito: O levirato


José do Egito: O levirato

Gênesis 38:2-11

O que?

Não sabe o que significa isto?

Eu também não sabia...

Más você ficará sabendo nesta postagem.

V-2-5
O relacionamento de Judá com o povo de Canaã resultou em seu casamento com uma mulher Canaanita chamada Sua.

É isso mesmo que você leu, “Sua”!

Bom, vocês já devem estar acostumados com os nomes dado as pessoas no antigo testamento, não é mesmo?

Esta decisão foi uma afronta à vontade de Deus e aos exemplos de seu pai e avô.

Com ela, Judá teve três filhos e deu a eles os nomes comuns para a época: Er, Onã e Selá.

V-6.
Seguindo os costumes da época, Judá escolheu a esposa do seu primogênito Er, uma mulher chamada Tamar.

Er era provavelmente muito jovem, pois toda a história narrada neste capítulo ocorreu dentro de pouco mais de vinte anos.

Tudo indica que Judá estava ansioso para ter logo uma grande descendência, o que seria motivo de honra para si.

V-7
Er, porém, morreu logo depois: não sabemos como ele morreu más a Bíblia nos informa que Deus tirou sua vida, porque ele era muito perverso perante o Senhor.

V-8.
Naquele tempo prevalecia um costume, segundo o qual o irmão de um homem que morresse sem deixar filhos deveria se casar com a viúva, a fim de gerar um filho.

O filho proveniente dessa união seria considerado filho do finado, garantindo assim sua descendência, mesmo morto.

Este costume foi incorporado à lei de Moisés (Deuteronômio 25:5-10), ficando conhecido como a lei do levirato.

Portanto, o primeiro filho desta união levaria o nome do irmão morto, ficando assim com as regalias de um primogênito.

O costume do levirato no casamento é mencionado pela primeira vez aqui na Bíblia e também existia em diversas formas entre outras nações da antiguidade tais como os hititas.

Judá então disse ao seu segundo filho Onã;

_ Vá e tenha relações com a viúva do seu irmão. Assim, você cumprirá o seu dever de cunhado para que o seu irmão tenha descendentes por meio de você.

V-9
Ora, Onã sabia que o filho que nascesse não seria considerado como seu.

Portanto, ele obedeceu seu pai até o ponto de se casar com ela, mas evitou ter filhos usando de um método primitivo de controle de natalidade.

Por isso, cada vez que tinha relações com a viúva do seu irmão, ele deixava que o esperma caísse no chão para que o seu irmão não tivesse descendentes por meio dele.

Sendo o segundo filho, na morte do primeiro e não deixando ele descendência, Onã passaria a ser herdeiro do pai.

Logo se compreende a razão por que ele não queria gerar um filho de Tamar para seu irmão, que seria consecutivamente o herdeiro em lugar dele próprio.

Que relato mais nojento!!!

Este é um triste comentário quanto à vil condição em que tinham caído os filhos de Jacó.

V-10
Por causa disto, as promessas de Deus a Abraão e seus filhos estavam impedidas de continuar através da descendência de Judá.

E é lógico que Deus não se agradou nadinha disso.

Resultado; Deus também permitiu que o egoísta Onã morresse.

V-11.
A súbita morte de seus dois filhos maiores, tão pouco tempo após seu casamento com Tamar, fez que Judá pensasse duas vezes em dar-lhe a seu terceiro filho como esposo.

Então Judá disse a Tamar, sua nora:

_ Volte para a casa do seu pai e continue viúva até que o meu filho Selá fique adulto, ele ainda é um garotinho, tadinho!

Ele disse isso porque tinha medo que Selá fosse morto, como havia acontecido com os seus irmãos.

Assim, Tamar foi morar na casa do pai dela.

É claro que Judá nunca teve a intenção de cumprir sua promessa, com a desculpa de que Selá pudesse morrer "também como seus irmãos".

Porém Tamar estava revoltada, pois Selá já havia chegado à idade de casar-se, e ainda não lhe tinha sido dado a ela.

Então Tamar se propôs ter um filho de Judá mesmo.

É isso mesmo que você leu!

Isto já era um costume entre os hititasAssírios.

Tamar então literalmente começou a preparar a cama para Judá.

Agora meus amigos blogueiros, cá entre nós;

Por que esta sórdida história está na Bíblia?

Você acredita que o nascimento do Salvador dependia do resultado deste capítulo?

Vamos tentar responder a estas perguntas na próxima postagem.

Em Cristo;

Sobre o Autor:
CLAILTON LUIZ Clailton Luiz - Empresário, Palestrante, Especialista em Gestão de Tempo e Produtividade, Escritor, Autor do Livro “Empreendedor Gourmet”, Professional e Self Coach, Leader Coach, Analista Comportamental pela Coaching Assessment. Líder de Jovens e adolescentes, pregador, professor e amante da Palavra de Deus!

4 comentários:

  1. Tamar foi usada por Deus para que Judá tivesse sua linhagem. Ela está citada no livro de Mateus cap.1. Os planos de Deus não podem ser frustrados pela astúcia de Satnás.

    ResponderExcluir
  2. É verdade. Satanás sempre tentando impedir e atrapalhar os planos de Deus.

    ResponderExcluir
  3. sórdida ? é isso mesmo que eu li ?

    Gênesis 15
    4Então imediatamente lhe assegurou o SENHOR: “Não será Eliézer o teu herdeiro; mas, sim, filho gerado de ti mesmo será o teu legítimo herdeiro!”
    5Então o SENHOR conduziu Abrão para fora da tenda e orientou-o: “Olha para os céus e conta as estrelas, se é que o podes”. E prometeu: “Será assim a tua posteridade!”

    Gênesis 16:10
    O Anjo do SENHOR lhe prometeu: “Eu multiplicarei grandemente a tua descendência, de tal maneira que não será possível contá-la!”

    Gênesis 22:17
    Esteja convicto de que Eu te cumularei de bênçãos, Eu te confirmarei uma posteridade tão numerosa quanto as estrelas do céu e quanto a areia que se espalha pelas praias do mar, e tua descendência conquistará as cidades de todos que se levantarem contra ti.

    Chamar uma promessa de Deus de Sórdida.
    você se acha tão independente assim ? pra chamar uma promessa de Deus de Sórdida !?

    Quantos minutos você consegue ficar sem oxigênio ? Fica 30 minutos sem respirar e volta aqui pra me responder. Se é que você acha que não depende de oxigênio.

    ResponderExcluir
  4. Olá Rodrigo!
    Leia novamente o que eu escrevi. Sórdida é a história, não a promessa. Sórdida ou constrangedora. Falei isso do método primitivo de controle de natalidade. Deixar que o esperma caísse no chão para que o seu irmão não tivesse descendentes por meio dele. Falei sobre isso e a pergunta final é porque isso foi permitido estar aqui. Em Cristo!

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails