Images

Êxodo 8:1-7 - A praga das rãs – parte I


A praga das rãs – parte I

V:1-6
Depois de sete dias, toda a água do Egito já havia voltado ao seu estado normal.

Então O SENHOR Deus chamou a Moisés e disse:

_ Vá falar com o rei novamente e diga o seguinte...

Então o SENHOR explicou o novo plano a Moises como o veremos executando a seguir;

O Faraó estava sossegado em seu palácio, sendo abanado por dois eunucos e comendo tâmaras recém colhidas, quando Moisés entrou.

_ Há não, você aqui de novo?

_ VOU DIRETO AO ASSUNTO! DEIXE QUE O MEU POVO SAIA DO PAÍS A FIM DE ADORAR AO NOSSO DEUS!

_ Não deixo, assunto encerrado!

_ Se você não deixar, meu Deus castigara o seu país, cobrindo-o de rãs.

_ Essa é boa, rãs?

_ O rio Nilo ficará cheio de rãs, e elas sairão dele e entrarão no palácio do rei, no seu quarto, na sua cama, nas casas dos seus funcionários e do seu povo e até dentro dos fornos e das bacias de amassar pão. As rãs pularão em cima de você, do seu povo e de todos os seus funcionários. Rãs por todos os lados! Rãs! Rãs!

_ Tá, tá, já entendi. Rãs. Cobrindo todo o Egito. Conta outra.

Então Moisés e Arão sairam da presença do faraó para execultar o plano como Deus havia ordenado.

Arão estendeu o bastão sobre os rios, os canais e os poços e Deus fez com que as rãs saíssem das águas e cobrissem a terra do Egito.

V: 7
Você já sabe que cada praga era um julgamento sobre os deuses do Egito, certo?

Pois bem, a bola da vez agora é uma deusa com a cabeça de rã.

A deusa Heket tinha um lindo templo em Menfis, e as rãs eram um símbolo de fertilidade, sagradas para os egípcios, mas o SENHOR assim as tornou odiosas para eles.

Os egípcios acreditavam que era ela que conferia o sopro da vida aos homens e às mulheres.

A sua figura era representada em vários amuletos e escaravelhos, usados por motivos mágicos pelas mulheres grávidas e pelas parturientes para as protegerem durante o parto.

A Rã e o sapo são considerados símbolos pagãos usados também hoje em trabalhos de macumbaria, bruxaria e feitiçarias.

Usa-se nestas seitas de escrever o nome de alguém indesejado e introduzir na boca do sapo ou em sua barriga e costurar, a medida que o sapo morre e vai secando, assim também aconteceria na vida daquela pessoa.

Os Egípcios eram um povo muito limpo e esmerado. Esta praga deve ter feito a vida ser um fardo a ser suportado com desgosto.

Quando o faraó viu aquela cena repugnante, milhares de rãs se contorcendo no piso do palácio, rapidinho chamou seus magos.

_ Chamem Janes e Jambres imediatamente!

Porém os mágicos, com as suas artes, fizeram a mesma coisa; eles trouxeram foi mais rãs sobre a terra do Egito.

Ironicamente, ao duplicar o que Moisés fazia, eles só agravavam a situação.

_ Muito bem… Mas será que não dá pra fazer uma mágica para sumirem as rãs?

_ Er… Veja bem… Fica difícil e…

_ INCOMPETENTES!

_ ...

_ CHAMEM MOISÉS E ARÃO IMEDIATAMENTE!

Em Cristo;

A seguir: A praga das rãs – parte II

Sobre o Autor:
CLAILTON LUIZ Clailton Luiz - Empresário, Palestrante, Especialista em Gestão de Tempo e Produtividade, Escritor, Autor do Livro “Empreendedor Gourmet”, Professional e Self Coach, Leader Coach, Analista Comportamental pela Coaching Assessment. Líder de Jovens e adolescentes, pregador, professor e amante da Palavra de Deus!

3 comentários:

  1. O todo poderoso fez com que os egípcios provassem do seu próprio mal, se tornaram escravos daquilo que cultuavam. Muitas pessoas hoje também se tornam escravos do dinheiro, da beleza, de um relacionamento fora do casamento e este é um mal que foi lançado sobre o Egito, mas que o diabo tenta reverter para o povo de Deus.

    ResponderExcluir
  2. Interessante saber que sapos e rãs são símbolos pagãos usados também em macumbas. Mesmo DEUS dando tantos sinais do seu poder o faraó continuava com seu coração endurecido e orgulhoso. Assim também vemos tantas pessoas que vêem tantos milagres e mesmo assim se recusam a admitir e aceitar DEUS em suas vidas. Misericórdia Senhor!

    ResponderExcluir
  3. Incrível como tudo q DEUS usava para castigar ,tinha um simbolo sagrado ou muito forte para o rei ou para o povo...sempre algo ligado diretamente as suas crenças e nem mesmo assim o rei queria acreditar..Mas o nosso DEUS é onipotente, sábio,ele trabalha ate hoje assim na vida dos incrédulos ,aqueles q nao acreditam em suas promessas estes precisam VER PARA CRER E REVER E SOFRER ,para q depos ainda com mta dificuldade possam acreditar no SOBRENATURAL DE DEUS...

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails