Images

Êxodo 12:12-28 - Moisés explica a Páscoa ao povo.


Moisés explica a Páscoa ao povo.


V:12
_ Nessa noite eu passarei pela terra do Egito e matarei todos os primeiros filhos, tanto das pessoas como dos animais. E castigarei todos os deuses do Egito. E todos reconhecerão que Eu sou o SENHOR.

V:13
_ O sangue nos batentes das portas será um sinal para marcar as casas onde vocês moram. Quando estiver castigando o Egito, eu verei o sangue e então passarei por vocês sem parar, para que não sejam destruídos por essa praga.

O sangue ficaria entre eles e o anjo da morte. Da mesma forma, nós somos salvos porque Cristo derramou seu sangue pelos nossos pecados, tornando-se assim a nossa páscoa.

V:14
_ Comemore esse dia como festa religiosa para lembrar que eu, o SENHOR, fiz isso. Vocês e os seus descendentes devem comemorar a Festa da Páscoa para sempre.

As instruções dadas até aqui em primeiro lugar se referiam à primeira celebração da páscoa, a noite que precedeu ao êxodo.

Agora se anuncia que este rito devia ser comemorado anualmente.

Como a libertação de Israel era de significado perpétuo, a comemoração do acontecimento tinha de ser perpétua para os israelitas, enquanto continuassem sendo o povo escolhido de Deus.

Como um símbolo, tinha de permanecer em vigência até a vinda da realidade simbolizada, Jesus Cristo, que traria a libertação do pecado.

Instituída no tempo do êxodo, a páscoa continuaria em vigência até a crucificação.

Do mesmo modo a Ceia do Senhor tem o mesmo propósito hoje em dia.

A páscoa apontava para Cristo, que viria morrer pelos nossos pecados, enquanto a ceia aponta para o Salvador que veio e morreu.

É interessante notar que foi na ultima páscoa, antes que Cristo a abolisse através da Sua morte a lei cerimonial do Velho Testamento, que Ele instituiu a Ceia do Senhor.

v:15
_ Durante sete dias vocês comerão pão sem fermento. Por isso, no primeiro dia tirem o fermento das suas casas. Pois qualquer pessoa que comer pão feito com fermento, desde o primeiro até o sétimo dia, perderá os direitos e privilégios pertencentes a um israelita.

V:16
_ No primeiro dia e também no sétimo, façam uma reunião para adorar a Deus. Nenhum trabalho será feito nesses dias, a não ser para preparar comida.

Em todos os países, os dias de festa eram ocasiões em que as pessoas se abstinham das atividades comuns da vida que interferiam na realização dos preparativos da festa.

V:17- 20
_ Comemorem a Festa dos Pães sem Fermento no aniversário do dia em que eu tirei do Egito as tribos do povo de Israel. Essa comemoração será uma lei permanente, que passará de pais a filhos. Agora vá até o povo e explique a eles o que acabei de lhe ensinar.

V:21
Moisés mandou chamar todos os líderes do povo e passou a eles todas as recomendações do Senhor para comemorarem a Páscoa.

V:22
E disse mais;

_ Peguem um galho de hissopo e o molhem no sangue que estiver na bacia e passem nos batentes dos lados e de cima da porta das suas casas. E que ninguém saia de casa durante toda a noite.

O hissopo é, provavelmente, a manjerona, um pequeno arbusto que tem de altura cerca de 45 centímetros, com hastes direitas, delgadas e providas de folhas, possuindo além disso grandes espigas de pequenas flores. Tem um aroma picante, e nasce em muitos lugares.

V:23-25
_ Quando o SENHOR passar para matar os egípcios, verá o sangue ali nos batentes e não deixará que o Anjo da Morte entre nas suas casas para matá-los.

V:26-27
Ensinem isso a seus filhos, para que ensinem a seus filhos também.

V:28
A longa série de milagres efetuados por Moisés e Arão tinha impressionado tanto o povo, que este obedeceu imediatamente e sem fazer perguntas.

Esta ordem foi dada antes do décimo dia, e o cordeiro pascoal deveria ser sacrificado no décimo quarto dia, portanto vários dias de preparação se passaram entre o versículo 28 e o versículo 29 que estudaremos na próxima postagem.

Em Cristo;

A seguir: A morte dos primogênitos

Sobre o Autor:
CLAILTON LUIZ Clailton Luiz - Empresário, Palestrante, Especialista em Gestão de Tempo e Produtividade, Escritor, Autor do Livro “Empreendedor Gourmet”, Professional e Self Coach, Leader Coach, Analista Comportamental pela Coaching Assessment. Líder de Jovens e adolescentes, pregador, professor e amante da Palavra de Deus!

2 comentários:

  1. O Senhor nosso Deus é poderoso,ele cuida do q é seu...
    Ele protege o seus escolhidos o seu povo.
    Q alegria em saber q mesmo eu sendo tam pecadora ele me molda a cada dia p sua honra e sua gloria..
    Sou grata ati o pai, pois posso dizer sou COMPLETAMENTE TEU o meu Senhor..

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails