Images

Êxodo 35:16

O Altar de bronze!

V:16
Vimos até agora que apenas o Sumo Sacerdote poderia entrar no Santo dos Santos, e isso uma vez por ano, no Dia da Expiação.

Já a tribo sacerdotal poderia ir somente no Tabernáculo, e qualquer israelita poderia no máximo entrar no pátio.

As palavras de Deus para Moisés eram muito claras acerca da maneira como eles deveriam se aproximar de Deus.

Eles nunca tinham se aproximado de Deus enquanto eram escravos no Egito, mas tiveram o privilégio de se sentar à mesa com Deus por ocasião da libertação, ou seja, comeram a Páscoa apressadamente em suas casas, pois eles estavam deixando a terra de escravidão e estavam se preparando para a jornada à terra prometida.

Mais tarde Deus revelou Sua santidade no Monte Sinai,  e eles completamente horrorizados, foram conscientizados de que nenhum homem poderia se aproximar de Deus, a não ser seu líder Moisés.

Então Deus lhes revelou um padrão de adoração que era consistente com a Sua santidade, tornando possível para o homem pecador entrar em Sua presença .

Este padrão de adoração estava no Tabernáculo inteiro, e Deus começou a lhes revelar que tudo aquilo estava envolvido no sangue de um sacrifício expiatório, com o qual eles estavam identificados, mas não completamente.

Moisés agora começa a explicar os materiais e as peças que terão de fazer para a parte externa;

_ No lado de fora da tenda, vamos construir também um altar para queimar as ofertas com uma grelha de bronze; os cabos e o resto do equipamento do altar e uma pia com um suporte;

Quando o Israelita se aproximasse do Tabernáculo com o seu sacrifício e atravessasse o portão de entrada ele encontraria entre ele e o Tabernáculo um altar com um sacerdote ao lado.

Fora do altar de bronze não havia outro modo de se aproximar de Deus.

A aliança com Deus era uma aliança de sangue e então o animal inocente representava o pecador, e tomava o lugar dele no altar.

É por isso que se colocavam as mãos na vítima inocente, a seguir o violento corte na garganta.

Uma imagem que faria sua pele se arrepiar, que trazia uma incrível consciência do pecado, e do seu salário que é a morte.

Em Cristo!

Sobre o Autor:
CLAILTON LUIZ Clailton Luiz - Empresário, Palestrante, Especialista em Gestão de Tempo e Produtividade, Escritor, Autor do Livro “Empreendedor Gourmet”, Professional e Self Coach, Leader Coach, Analista Comportamental pela Coaching Assessment. Líder de Jovens e adolescentes, pregador, professor e amante da Palavra de Deus!

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails