Images

Juízes 15:4-8 - O fogo, a raposa, a plantação e a fúria de Sansão




O fogo, as raposas, a plantação e a fúria de Sansão

Enfurecido com os filisteus, Sansão saiu à caça de trezentas raposas...

Amarrou-as duas a duas pelos rabos e prendeu em cada par de rabos uma tocha... 

Pôs fogo nas tochas e soltou as raposas nas plantações secas de trigo dos filisteus.

Nesta época do ano, era tempo de colheita do trigo, que seguia de uma longa estação de seca, cujas platações estavam secas.

O fogo queimou não só o trigo que já havia sido colhido, mas também o que ainda estava nas plantações...

Também os bosques de oliveiras foram queimados... 

O estrago foi grande e os filisteus se desesperaram diante de tanto prejuízo.

Por fim, ficaram sabendo que Sansão tinha feito aquilo porque o seu sogro havia tomado a mulher dele e dado ao seu amigo.

Então os filisteus, que nunca foram lá flor que se cheire, queimaram viva a mulher de Sansão e a família dela.

Quando ficou sabendo do troco dos filisteus, Sansão, também não deixou por menos, foi à caça dos responsáveis e os atacou furiosamente, matando muito deles.

Depois de momentaneamente saciada sua vingança, Sansão saiu de lá e foi refugiar-se numa caverna de rocha que ficava em Etã.  

Eu disse temporariamente, pois a partir daí Sansão se tornaria um sério entrave para os maquiavélicos planos filisteus, como veremos mais adiante.

Em Cristo!

Sobre o Autor:
CLAILTON LUIZ Clailton Luiz - Empresário, Palestrante, Especialista em Gestão de Tempo e Produtividade, Escritor, Autor do Livro “Empreendedor Gourmet”, Professional e Self Coach, Leader Coach, Analista Comportamental pela Coaching Assessment. Líder de Jovens e adolescentes, pregador, professor e amante da Palavra de Deus!

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails