Images

Novidade! The Bíble, em breve nos cinemas!


The Bíble, em breve nos cinemas!

O sucesso da minissérie “A Bíblia”, produzida pelo History Channel, foi tão grande que já está em andamento uma versão que deverá chegar aos cinemas de todo o mundo ainda em 2013.

Das 10 horas de filmagem sairá um filme com duração de três horas, explica o produtor-executivo Mark Burnett.

 “Estamos editando para o cinema, agora, com maior espaço para Jesus e já temos propostas muito boas de todo o globo”, ressaltou. 

Entre os fatos que chamaram a atenção da mídia está o fato de Jesus ser interpretado por um ator português e a figura do diabo parecer com o presidente dos EUA Barack Obama.
Burnett e os produtores do seriado comemoram que o capítulo de estreia superou as expectativas, atraindo quase 14 milhões de telespectadores. 

O último capítulo, que foi ao ar no domingo de Páscoa, foi visto por 11,7 milhões de pessoas, mostrando que a maioria do público permaneceu interessada.

“A Bíblia” foi a minissérie mais vendida de todos os tempos, sendo negociada com dezenas de países na primeira semana de exibição. 

Tudo isso colabora para uma expectativa que o filme seja um sucesso de bilheteria, já que o cristianismo ainda é a maior religião do mundo.

Em Cristo!

Images

1 Samuel 11: 7-15 - Depois de derrotar os amonitas, Saul é definitivamente aclamado como Rei de Israel.


Depois de derrotar os amonitas, Saul é definitivamente aclamado como Rei de Israel.

1 Samuel 11: 7-15

Saul ficou furioso de repente, e o “Espírito de Deus Se apoderou dele” e então cortou dois bois em pedaços que foram mandados por todo o Israel, acompanhados da mensagem:

Atenção israelitas!

Eis o que acontecerá a quem não se juntar a mim e a Samuel para lutarmos contra os amonitas. Palavra de seu rei, Saul.

Convencidos pela visão dos pedaços de carne ensanguentada, os israelitas prepararam-se para acompanhar Saul na batalha. 

O rei reuniu todo o exercito em Bezeque, 330 mil homens. 

Com esse chocante exército nas mãos, Saul mandou dizer aos habitantes de Jabes, a cidade sitiada, que eles receberiam ajuda no dia posterior, antes do meio-dia. 

Alegres com a notícia, os homens de Jabes mandaram um recado ao rei Naás:

_ Amanhã nós nos entregaremos, e vocês poderão fazer com a gente o que quiserem. 

Naás voltou para tranquilizar seus homens.

Os soldados amonitas dormiram sossegados depois de ouvir a notícia e foi essa a grande vantagem de Saul...

Na manhã seguinte Saul dividiu os seus homens em três grupos. 

Por meio de uma rápida marcha noturna, Saul e seu exército atravessaram o Jordão, e chegaram diante de Jabes “pela vigília da manhã” e sem perder muito tempo avançaram sobre o acampamento amonita e o atacaram. 

Lá pelo meio dia já haviam massacrado os inimigos. 

E os que escaparam se espalharam, cada um fugindo para um lado.  

A prontidão e bravura de Saul, bem como suas aptidões de general ostentadas ao conduzir com êxito uma força tão grande, eram qualidades que o povo de Israel desejava em um rei, a fim de que pudessem enfrentar outras nações. 

Aqueles que acreditaram em Saul desde o início quase foram ao delírio com a impressionante vitória militar. 

Embriagados de êxito começaram a pedir a cabeça daqueles que não haviam seguido ao novo rei desde o primeiro dia. 

_ Onde estão as pessoas que disseram que Saul não seria o nosso rei? 

_ Traga essa gente aqui, que nós os mataremos.  

O rei, no entanto, foi apaziguador:

_ Não, de maneira alguma! Hoje é dia de festa, ninguém será morto neste dia porque hoje o SENHOR Deus deu a vitória ao povo de Israel.  

Aqui deu Saul prova da mudança que se tinha operado em seu caráter. 

Em vez de tomar para si a honra, deu glória a Deus. 

Em vez de mostrar desejo de vingança, manifestou um espírito de compaixão e perdão.

Isto é prova inequívoca de que a graça de Deus habitava em seu coração.

E Samuel, vendo na vitória inesperada uma oportunidade para levantar Saul como rei disse:

_ Vamos todos a Gilgal e lá confirmaremos Saul como nosso rei.  

Foram todos para Gilgal, e lá Saul foi definitivamente aclamado como Rei de Israel.

O homem que começara seu reinado da pior forma possível, escondido no meio da bagagem da família, começava a mostrar seu valor. 

Em Cristo!

Gostou deste artigo? Então por gentileza, deixe um comentário!



Baixe gratuitamente o e-book "Jesus Meu Coach"

Images

1 Samuel 11:1-6 - Um mês depois da escolha de Saul para o trono, os israelitas são ameaçados pelos amonitas!


Um mês depois da escolha de Saul para o trono, os israelitas são ameaçados pelos amonitas!

1 Samuel 11:1-6 

Passara-se cerca de um mês depois da escolha de Saul para o trono, quando Naás, rei dos amonitas, cercou a cidade de Jabes, em Gileade. 

Enquanto isso, Saul em seu lar, entre as terras altas de Benjamim, pacificamente ocupou-se com os deveres de lavrador, deixando inteiramente a Deus o estabelecimento de sua autoridade.

Já o povo de jabes, temerosos diante do exército amonita, resolveram oferecer um acordo a Naás.

Procuraram negociar a paz, oferecendo-se para se fazerem tributários dos amonitas. 

_ Olha, seu Naás, 

_ O que vocês querem comigo?

_ Queremos propor um acordo...

_ Hum...

_ É o seguinte, o senhor não nos ataca, e nós o aceitamos como chefe. 

_ Hum... está bem! Negócio fechado.

_ Ótimo!

_ Mas tenho ainda uma condição...

_ Condição?

_ Isso mesmo. 

_ E qual seria?

_ É simples. Furarei o olho direito de todos os homens da cidade.

_ Ué, mas pra que isso???

_ Por prazer, oras! Quero humilhar Israel.

E então os homens da cidade fizeram uma proposta meio amalucada a Naás:

_ O senhor pode dar sete dias pra gente?

_ Sete dias, ficaram doidos? Mas para quê?

_ Vamos enviar mensageiros por toda a terra de Israel. Se ninguém vier nos ajudar, então nos entregaremos.

_ Está bem. Vocês têm sete dias.

Com isto consentiram os amonitas, julgando assim aumentar a honra de seu esperado triunfo. 

Imediatamente foram expedidos de Jabes mensageiros, em busca de auxílio das tribos ao oeste do Jordão. 

Os mensageiros chegaram a Gibeá, onde Saul morava. 

Quando deram as notícias, o povo começou a chorar de desespero.  

O novo rei podia ter o título, mas ainda carecia de majestade: no momento em que os mensageiros chegaram, Saul estava voltando do campo com o gado que pastoreava. 

Ao ver o povo da cidade em pânico, procurou informar-se:

_ O que foi que houve? 

_ Uma tragédia está para acontecer Saul.

_ Por que todos estão chorando? 

Eles lhe contaram o que os mensageiros de Jabes tinham dito. 

Quando Saul ouviu isso, o Espírito de Deus o dominou, e ele ficou furioso.
  
Despertaram-se todas as suas forças adormecidas.

E o que aconteceu em seguida, veremos na próxima postagem!

Em Cristo!

Gostou deste artigo? Então por gentileza, deixe um comentário!



Baixe gratuitamente o e-book "Jesus Meu Coach"
Images

I Samuel 10:17-27 - Saul, é finalmente aclamado como rei!


Saul, é finalmente aclamado como rei!

I Samuel 10:17-27

A unção de Saul como rei não fora levada ao conhecimento da nação. 

A escolha de Deus deveria ser publicamente manifesta por meio de sorte. 

Para tal fim Samuel convocou o povo de Mispa. 

Quando estavam todos lá, fez seu anúncio:

_ Israelitas! O SENHOR, o Deus de Israel, diz: "Eu tirei vocês do Egito e os livrei dos egípcios e de todos os outros povos que os maltratavam. Eu sou o Deus de vocês, o único que os livra de todos os seus problemas e dificuldades, mas hoje vocês me rejeitaram e pediram que eu lhes desse um rei. Muito bem, então reúnam-se na minha presença, separados por tribos e por grupos de famílias."  

O povo dividiu-se conforme as ordens divinas, enquanto Samuel pegava o Urim e o Tumim para o sorteio. 

Foi feita oração rogando-se guia divina; então seguiu-se a solene cerimônia de lançar a sorte. 

Com o povo ordenado, ele jogou as pedrinhas e a tribo de Benjamim foi sorteada. 

Lançou-as de novo, e deu a família de Matri. 

A família adiantou-se, apreensiva. 

Não era para menos: dali sairia o primeiro rei de Israel. 

Samuel jogou as pedrinhas, fez um certo suspense e enfim anunciou:

_ O rei de Israel será… Saul, filho de Quis!

Aplausos. Vivas. Gritos. Assovios. 

Aplausos. 

Aplausos mais fracos. 

Silêncio.

_ Eu disse SAUL, FILHO DE QUIS!

Um murmúrio na multidão. 

Saul não estava na assembleia. 

Oprimido com uma intuição da grande responsabilidade prestes a cair sobre ele, Saul retirara-se secretamente. 

Samuel orou a Deus que lhe disse o verdadeiro paradeiro de Saul.

Então Samuel pediu à família que vasculhasse sua bagagem. 

Foram até lá e voltaram com Saul. 

Alto como era, aparecia acima da multidão, que o olhava em silêncio e observava com orgulho e satisfação ter ele porte real e formas nobres, sendo mais alto do que todo o povo.

Samuel soltou um suspiro de alívio:

_ Então povo de Israel, aqui está o homem que o SENHOR  Deus escolheu! Não há ninguém igual a ele entre nós. 

E todo o povo gritou: 

_ Viva o rei!  

Samuel explicou aos israelitas os direitos e deveres do rei, depois escreveu-os num livro que foi colocado no Tabernáculo. 

O rei não deveria agir de forma absoluta, mas conservar seu poder em sujeição à vontade do Altíssimo. 

E encerrou a cerimônia bem ao seu estilo:

_ Acabou a festa. Cada um para sua casa.

O povo, meio sem graça foi saindo. 

Saul também foi para sua casa, em Gibeá, e com ele foram alguns homens, seus primeiros aduladores. 

Outros, no entanto, ao mesmo tempo em que o povo em geral estava pronto para reconhecer a Saul como seu rei, havia um grande partido em oposição. 

_ Mas que reizinho mais sem-vergonha, hein? 

_ É verdade, escondido no meio da bagagem!

E desprezaram Saul e não lhe deram presentes.  

Ser selecionado um rei de Benjamim, a menor das tribos de Israel, e isto em detrimento tanto de Judá como de Efraim, as maiores e mais poderosas era uma insensibilidade que não podiam admitir. 

Os que foram os mais teimosos em seu pedido para terem um rei, eram os mesmos que se recusavam acolher com gratidão o homem indicado por Deus. 

Os membros de cada grupo tinham seu preferido, que desejavam ver colocado sobre o trono; e vários dentre os chefes haviam ambicionado a honra para si. 

A cobiça e a suspeita ardiam no coração de muitos. 

Os esforços da arrogância e da ambição havia resultado na decepção e no desencanto.

Em Cristo!

Gostou deste artigo? Então por gentileza, deixe um comentário!


Baixe gratuitamente o e-book "Jesus Meu Coach"
Images

Perdeu o capítulo 31, desta quarta-feira, 21 de agosto da minissérie José do Egito?


Perdeu o capítulo 31, desta quarta-feira, 21 de agosto da minissérie José do Egito? 

Veja então o resumo e o capítulo completo abaixo. 

 Emocionado, José conta que não foi reconhecido e destaca que mandou prendê-los porque precisa pensar. 

 À noite, Mitri o escriba visita José. 

O hebreu conta que seu mal estar se deu por conta dos viajantes que apareceram. 

Ele revela que são seus irmãos. 

 Antes de ir embora, Mitri conta que Pentephres e Hapu estavam nos silos. 

 Ele pede ao escriba que vá até a cadeia para ver seus irmãos. 

 Mitri revela a Seneb que os hebreus realmente são os irmãos de José. 

 Simeon confessa aos irmãos que José está vivo. 

 Azenate hesita um pouco, mas acaba falando com Tany sobre os irmãos de José. Depois de contar tudo, ela se arrepende. 

 Pentephres tenta descobrir mais informações sobre os novos prisioneiros. 

 Alguns dias depois, José recebe os irmãos novamente. 

 Ele decide que apenas um ficará no Egito para que os outros possam levar alimentos até sua família. 

 O hebreu destaca novamente que o irmão caçula deve ser trazido. 

 Tany revela a verdade sobre os novos prisioneiros para o Faraó. 

 Furioso, ele exige que Potifar seja chamado rapidamente. 

 Apópi afirma que os hebreus serão executados o mais breve possível. 

 Tany tenta acalmar o marido e destaca que cabe a José decidir o futuro dos prisioneiros.

 José ouve uma conversa de seus irmãos e se emociona quando todos afirmam que essa é a punição divina por terem pecado. 

 Ele chora copiosamente em um local mais reservado. 

 Pentephres observa tudo, de longe. Como os irmãos não chegam a um consenso, José decide que Simeon ficará preso. 

 O vizir afirma que os restantes devem levar os mantimentos para Canaã, mas caso não retornem com o irmão mais novo, Simeon será morto.


José do Egito Capítulo 31 - Completo

Images

Jesus Meu Coach!

Jesus Meu Coach!

Você está vivendo um tempo de letargia espiritual, de mornidão espiritual, de cegueira espiritual? 

Reconheça seu estado de letargia e arrependa-se...

Deus espera muito de você! 

Folhas não servem, flores não servem, mas somente os frutos!

Leia este artigo do blog Jesus Meu Coach e renove sua vida hoje!

http://www.jesusmeucoach.com/2013/08/o-cristao-infrutifero.html

Em Cristo!
Images

Record divulga o primeiro trailer da minissérie "A Bíblia"!


Record divulga o primeiro trailer da minissérie "A Bíblia"!

Como já mencionei em uma postagem anterior, a Record adquiriu em março deste ano a série norte americana "The Bible".

A série deu ao History Channel elevada audiência nas noites de domingo durante sua exibição na tevê americana.

Em seu primeiro episódio a produção conquistou a espantosa audiência de mais de 13 milhões de telespectadores.

Na Record, "A Bíblia" está prevista para substituir "José do Egito" na grade da emissora, às quartas-feiras no horário nobre e o primeiro trailer da trama já foi divulgado, assista:

Images

1 Samuel 10:1-16 - Tomado pelo Espírito de Deus, Saul, o futuro rei, se une ao culto de alguns profetas e chama a atenção das pessoas que o conheciam!


Tomado pelo Espírito de Deus, Saul, o futuro rei de Israel, se une ao culto de alguns profetas e chama a atenção das pessoas que o conheciam!

1 Samuel 10:1-16

_ Dentro de sete dias encontrarei você em Gilgal, e lá ofereceremos sacrifícios.

_ SETE dias? Por quê???

_ Você pergunta demais meu jovem. Afinal, quer ser rei ou não?

_ Está bem, está bem...

Deus mudou o coração de Saul no momento em que ele se despediu de Samuel. 

Saul foi habilitado pelo Espírito de Deus para o cargo que o esperava. 

Seguiu as instruções do velho profeta, e tudo aconteceu conforme ele previra. 

Quando Saul e o seu empregado chegaram a Gibeá, sua cidade, um grupo de profetas, voltando do “lugar alto”, cantavam o louvor de Deus, com música de flautas e harpas, saltérios e tambores. 

Aproximando-se Saul deles, veio sobre ele o Espírito do Senhor e ele também tomou parte do culto de louvor, e com eles profetizou. 

Falou com tão grande influência e sabedoria, e com tanto fervor se uniu ao culto, que algumas pessoas que o conheciam viram isso e perguntavam: 

_ O que aconteceu com o filho de Quis? 

_ Será que Saul virou profeta?  

_ E os outros familiares? 

_ Será que os pais deles são profetas? 

A Bíblia diz que a frase “Será que Saul também virou profeta” tornou-se então um ditado em Israel. 

Desde então uma grande mudança operou-se em Saul pelo Espírito Santo. 

A luz da pureza e santidade divinas flamejou nas trevas do coração natural de Saul. 

Ele observou a si mesmo como estava diante de Deus. 

O Senhor capacitou-o de coragem e sabedoria para o seu elevado cargo. 

Quando Saul acabou de profetizar, foi para o altar, no monte  para o encontro com Samuel. 

Lá no alto encontrou seu tio, que perguntou:

_ Onde foi que vocês estiveram? 

_ Ah. Então. Eu e meu empregado saímos para procurar as jumentas.

_ Mas porque tanta demora meu sobrinho? Seu pai está muito preocupado.

_ É que não conseguimos encontrar, então fomos falar com o profeta Samuel.

_ O grande profeta?

_ Isso mesmo!

_ Mas e aí, o que ele disse?

_ Ele nos disse que os animais já haviam sido encontrados!

_ Só isso?

_ É... Só.

_ Hum...

Samuel disse muito mais, como vimos na postagem anterior, mas Saul, agora cheio de sabedoria divina resolveu não contar nada a respeito de ele se tornar rei. 

Em Cristo!

Gostou deste artigo? Então deixe um comentário!

A seguir; Saul, é finalmente aclamado como rei!

Baixe gratuitamente o e-book "Jesus Meu Coach"

Images

Filme A Última Chance - Campanha 70x7


Filme A Última Chance - Campanha 70x7

Faça parte deste projeto.

Ajude a divulgar!

Images

1 Samuel 10:1-8 - Samuel derrama azeite sobre a cabeça de Saul, beija-o e diz que agora é o rei de Israel!


Samuel derrama azeite sobre a cabeça de Saul, beija-o e diz que agora é o rei de Israel!

1 Samuel 10:1-8

Quando chegaram à saída da cidade, Samuel disse a Saul: 

_ Diga ao seu empregado que vá à frente e você espere aqui um instante. 

O empregado foi, e Samuel disse a Saul: 

_ Eu tenho um recado de Deus para você.  

Samuel tinha levado consigo um frasco de azeite. 

Então tomou Samuel o vaso de azeite, e lhe derramou sobre a cabeça, e o beijou, e disse:

_ Você acaba de ser ungido rei de Israel. 

_ Como?

_ O SENHOR Deus está ungindo você como o chefe do seu povo, o povo de Israel. Você o governará e o livrará de todos os seus inimigos. Esta é a prova de que Deus o escolheu para ser o chefe do seu povo:  

_ Era esse o recado de Deus pra mim?

_ Você não está acreditando?

_ Pois então, anote alguns sinais de que estou falando a verdade: quando você voltar a Benjamim, encontrará dois homens perto do túmulo de Raquel, em Zelza. 

_ E o que tem estes dois homens?

_ Eles vão contar a você que já foram achadas as jumentas que estavam perdidas. Contarão também que agora o seu pai não está mais preocupado com elas e sim com você....

_ Meu pai está preocupado comigo, isso não é novidade. E é bem provável que as jumentas já tenham mesmo sido encontradas. 

_ Ainda não terminei Saul...

_ Continue!

_ Depois disso, você irá até a árvore sagrada que fica em Tabor...

_ Hum...

_ Lá encontrará três homens que estarão indo a Betel, para lá oferecerem sacrifício a Deus. Um deles estará carregando três cabritos; o outro, três pães; e o terceiro, um odre de vinho. Eles vão lhe cumprimentar, e o segundo lhe oferecerá dois pães, os quais você aceitará. 

_ Sim, e o que mais?

_ Em seguida você irá para o monte de Deus, em Gibeá, onde há um acampamento dos filisteus. Na entrada da cidade vai encontrar um grupo de profetas descendo o morro, vindos do altar. Eles estarão tocando harpas, tambores, flautas e liras. E estarão profetizando. 

_ E o que acontecerá? 

_ Então o Espírito do SENHOR dominará você, e você vai agir como um profeta junto com eles e ficará uma pessoa diferente.  

_ Vou profetizar? 

_ Isso mesmo!

_ Mas e aí, o que eu faço?

_ Quando isso acontecer, faça tudo o que tiver de fazer, pois Deus estará com você.  

_ Por hora é isso, vai indo, você tem muito que fazer e eu também. 

_ Você não vai me acompanhar?

_ Dentro de sete dias encontrarei você em Gilgal, e lá ofereceremos sacrifícios.

_ SETE dias? Por quê???

Continua na próxima postagem!

Em Cristo!

Gostou deste artigo? Então deixe um comentário!

A seguir: Tomado pelo Espírito de Deus, Saul, o futuro rei de Israel, se une ao culto de alguns profetas e chama a atenção das pessoas que o conheciam!

Images

Segundo papa Francisco, apenas a Igreja Católica está capacitada a interpretar a Bíblia.


Segundo papa Francisco, apenas a Igreja Católica  está capacitada a interpretar a Bíblia.

Durante sua preleção no Comitê da Bíblia do Vaticano, neste mês, o papa Francisco rejeitou a interpretação subjetiva da Bíblia e disse que apenas a Igreja Católica está habilitada a interpretar corretamente a Bíblia.

Portanto, segundo o papa, este blog não poderia estar fazendo suas interpretações e análises da palavra de Deus. 

“O Concílio lembrou que tudo o que está relacionado com a maneira de interpretar as Escrituras está, em última análise, sujeito ao julgamento da Igreja Católica, que realiza o seu mandato divino e o ministério de preservar e interpretar a palavra de Deus”.

O papa citou o Concílio Vaticano II (1962 – 1965) e a Constituição ‘Dei Verbum’ que falam sobre o papel da Igreja.

“A Sagrada Tradição transmite a Palavra de Deus plenamente (….) Desta forma, a Igreja tira a sua certeza a respeito de todas as coisas reveladas não só nas Sagradas Escrituras. Uma como a outra devem ser aceitas e veneradas com sentimentos semelhantes de piedade e respeito.”

É por esta tradição que o papa Francisco afirma que a interpretação das Escrituras não deve ser feita apenas de forma mental, necessitando ser confrontada e inserida dentro dessa tradição da igreja católica.

A posição do papa Francisco deve aborrecer católicos contestatórios e os protestantes que defendem a o direito da livre interpretação das escrituras. 

Na verdade a Bíblia nos ensina que não é qualquer pessoa que pode discernir ou interpretar a palavra de Deus.

Para interpretá-la temos que buscar ter uma intimidade com Deus para que o Espírito de Deus nos use. 

Qualquer pessoa que se dedicar e buscar verdadeiramente viver mais no centro da vontade de Deus, conseguirá obter o entendimento que vêm de Deus.

Veja abaixo o que a palavra de Deus nos esina:

O Apóstolo Paulo nos ensina: “A minha palavra, e a minha pregação, não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de Espírito e de poder; Para que a vossa fé não se apoiasse em sabedoria dos homens, mas no poder de Deus. (1 Co 2:4-5)”

“Mas Deus nos revela pelo seu Espírito; porque o Espírito penetra todas as coisas, ainda as profundezas de Deus. (1 Co 2:10)”

Mas nós não recebemos o espírito do mundo, mas o Espírito que provém de Deus, para que pudéssemos conhecer o que nos é dado gratuitamente por Deus. (1 Co 2:14)

Como você pode ver, Ora, Deus diz que Ele nos dá e não que Ele deu apenas a Igreja Católica ou a qualquer outra igreja protestante ou a qualquer outra religião a capacidade de interpretação exclusiva.

Em Cristo!

Images

1 Samuel 9:20-27 - Samuel leva Saul e seu empregado ao salão de festas, colocando-os em posição de destaque na mesa em que já estavam cerca de trinta convidados.


Samuel leva Saul e seu empregado ao salão de festas, colocando-os em posição de destaque na mesa em que já estavam cerca de trinta convidados.

1 Samuel 9:20-27

Samuel assegurando a Saul que os animais perdidos tinham sido encontrados, insistiu com ele para que ficasse e assistisse à festa, dando ao mesmo tempo alguma indicação do grande destino que o esperava: 

_ Você sabe jovem Saul, para quem é todo o desejo de Israel por ter um rei? 

_ Nem imagino...

_ Eles querem é você!

_ Hum?

_ Você e a família do seu pai. 

O coração de Saul tremeu com as palavras do profeta. 

Não podia perceber senão algo do sentido das mesmas; pois o pedido de um rei se tornara o assunto de atraente interesse à nação inteira. 

Entretanto, menosprezando-se modestamente, Saul respondeu:

_ Por favor, Seu Samuel! Eu sou da tribo de Benjamim, a menor de todas, e minha família nem tem importância. Como o senhor me diz que Israel me quer?

_ Depois, depois! Vamos comer, já disse.

Então Samuel levou os dois ao salão de festas, deixando que se sentassem à cabeceira da mesa em que já estavam cerca de trinta convidados.

_ Cozinheiro!

_ Pois não, profeta?

_ Apresente aquele pedaço de carne que eu pedi pra você reservar para meu convidado de honra.

_ Sim senhor.

O cozinheiro trouxe a carne nobre, e Samuel a ofereceu a Saul. 

_ Olhe! Aqui está o pedaço que foi reservado para você. Coma-o, pois foi guardado para você comer nesta ocasião em que convidei o povo.

Depois do jantar, os três foram à cidade. 

Samuel levou o hóspede à sua casa, e ali, no terraço, conversou com ele, apresentando os grandes princípios sobre os quais o governo de Israel fora constituído, e procurando assim prepará-lo até certo ponto para o seu alto cargo.

Na manhã seguinte, Samuel foi acordar Saul:

_ Está na hora de você voltar pra casa.

Saul levantou-se, e Samuel acompanhou-o junto com seu empregado até a rua.

Ainda sussurrou a pergunta para Deus:

— Mas você tem certeza mesmo?

O silêncio demonstrava que Javé não voltaria atrás. Samuel suspirou. Tinha que terminar o que começara. Paciência. 

Então disse ao benjamita:

_ Saul, peça ao seu empregado que vá na frente. Tenho um recado de Deus para você.

Quando chegaram à saída da cidade, Samuel disse a Saul: 

_ Diga ao seu empregado que vá na frente e você espere aqui um instante. 

O empregado foi, e Samuel disse a Saul: 

_ Eu tenho um recado de Deus para você.  

Continua na próxima postagem!

Em Cristo!

Gostou deste artigo? Então deixe um comentário!

A seguir: Samuel derrama azeite sobre a cabeça de Saul, beija-o e diz que agora é o rei de Israel!

Images

1 Samuel 9:10-19 - Saul encontra-se com Samuel é preparado por Deus para encontro que teria com Saul! 1 Samuel 9:10-19


Saul encontra-se com Samuel é preparado por Deus para encontro que teria com Saul!

1 Samuel 9:10-19

Então Saul e seu empregado começaram a subir o morro no alto do qual ficava a cidade onde morava o profeta. 

Quando estavam subindo o morro para chegar à cidade, encontraram algumas adolescentes que estavam saindo para tirar água. 

Eles perguntaram: 

_ Ei, moças?

_ Olá!

_ Eu e meu amigo aqui estamos procurando o tal do vidente que dizem morar na cidade. 

(Antigamente, quando alguém queria fazer uma pergunta a Deus, costumava dizer: "Vamos falar com o vidente." Porque naquele tempo os profetas eram chamados de videntes.)  

_ Ele está sim! 

_ E como podemos encontrá-lo?

_ Por falar nisso, olhem! 

_ Onde?

_ Ali vai ele, ali na frente. Andem depressa!

_ Aquele cabeludo lá?

_ Isso mesmo! Ele está entrando na cidade porque o povo vai oferecer hoje um sacrifício no altar do monte.  

_ Muito bem, então vou até lá. Muito obrigado, moças.

Uma grande mudança se havia realizado durante a administração de Samuel. 

Quando o chamado de Deus veio a princípio a ele, os serviços do santuário eram tidos em desdém. 

“Os homens desprezavam a oferta do Senhor”. 1 Samuel 2:17

Agora, porém, o culto de Deus era mantido por todo o país, e o povo manifestava interesse nos serviços religiosos. 

Um dia antes de Saul chegar, o SENHOR Deus tinha dito a Samuel:

_ Amanhã, há esta hora, eu vou enviar a você um homem da tribo de Benjamim. Você o ungirá para ser o governador do meu povo de Israel. Ele libertará o povo do domínio dos filisteus. Eu tenho visto o sofrimento do meu povo e ouvido os seus pedidos de ajuda.  

Saul e seu empregado subiram o monte, interpelando Samuel no portão da cidade.

Quando Samuel viu Saul, o SENHOR lhe disse: 

_ Este é o homem de quem lhe falei. Ele governará o meu povo.  

Ao aproximar-se de Samuel, perto do portão, Saul perguntou: 

_ Por favor, onde mora o vidente?  

_ Eu sou o vidente. 

_ Muito prazer, sou Saul, eu e meu empregado temos algumas perguntas a fazer ao senhor...

_ Calma, calma meu jovem... Vá adiante de mim até o lugar de adoração. Vocês dois vão jantar comigo hoje. Amanhã cedo eu responderei a todas as suas perguntas, e então vocês poderão ir embora.  

_ Fico muito agradecido, Seu Samuel. Mas é que eu queria saber…

_ Depois, depois! Amanhã cedo eu responderei qualquer pergunta que você quiser, hoje não.

_ Mas é que…

_ E não se preocupe com as jumentas que se perderam há três dias, pois elas já foram encontradas. Afinal, quem é que o povo de Israel está querendo? Eles querem é você - você e a família do seu pai.  

_ COMO É QUE O SENHOR SABE DAS JUMENTAS?

Continua na próxima postagem!

Em Cristo!

Gostou deste artigo? Então deixe um comentário!

A seguir: Samuel leva Saul e seu empregado ao salão de festas, colocando-os em posição de destaque na mesa em que já estavam cerca de trinta convidados.

Images

Cerca de 10 gays insultam Marcos Feliciano em voo, hostilizando-o com xingamentos e insinuações, tocando em seu rosto e cabelo!


Cerca de 10 gays insultam Marcos Feliciano em voo, hostilizando-o com xingamentos e insinuações, tocando em seu rosto e cabelo!

Na sexta-feira (09-08-13), o pastor e deputado Marco Feliciano relatou em seu Twitter as ofensas sofrida durante um voo de Brasília a São Paulo. 

Segundo ele, quando cerca de 10 ativistas vinculados à causa gay o identificaram na aeronave, passaram a hostilizá-lo com xingamentos e insinuações. 

Cantando a música “Robocop Gay”, do Mamonas Assassinas, os ativistas fizeram de tudo para tirar Feliciano do sério, tentando inclusive tocar em seu rosto. 

Marco Feliciano afirmou ainda que alguns passageiros interferiram na situação e o protegeram, contudo, com o tumulto instalado, o comandante da aeronave chegou a ameaçar retornar à Brasília.

Na postagem do twitter consta o seguinte relato de Feliciano:

“Agradeço aos passageiros do voo AD5019 BSB x GRU bem como a equipe da Azul Linhas Aéreas e o apoio da Polícia Federal do aeroporto de Guarulhos. Ao decolarmos em Brasília cerca de 10 gays me constrangeram, dois vieram à minha poltrona gritando, cantando musica bizarra. Os passageiros me defenderam, o piloto ameaçou retornar pra Brasília. Sofri xingamentos o voo todo. Haviam crianças no voo, famílias. Como não reagi tocaram no meu rosto. Estes cidadãos colocaram em risco a segurança dos passageiros. Querem respeito, mas não respeitam. E assim fazem com qualquer pessoa que discorde de suas práticas. Que Deus nos guarde. Não sou contra gays, sou defensor da família natural!”,

Infelizmente, o que aconteceu é um desrespeito total com qualquer ser humano e isso já está passando dos limites...

Eu não sei se teria suportado tal insulto.

Felizmente ele manteve-se calmo. 

Um homem de Deus precisa saber como lidar com tal adversidade. 

O insensato revela de imediato o seu aborrecimento, mas o homem prudente ignora o insulto. 
Provérbios 12:16

Veja o vídeo abaixo:



                                                
Images

1 Samuel 9:1-9 - Como foi que começou a se desenhar a monarquia israelita.


Como foi que começou a se desenhar a monarquia israelita. 

1 Samuel 9:1-9

A partir de agora você saberá como foi que começou a se desenhar a monarquia israelita. 

Para a forma de governo monárquica de Israel, Deus Se reservou o direito de lhes escolher o rei. 

Os hebreus respeitaram a autoridade de Deus.

E foi assim que aconteceu...

Havia um homem chamado Quis. 

Quis era filho de Abiel, neto de Zeror, bisneto de Becorate e trineto de Afias. 

Quem eram essas pessoas? 

Não sei... Isso também não importa nesta história...

Mas o que importa é o tal Quis era um homem abastado e respeitável, e tinha um filho chamado Saul. 

Saul era muito bonito, considerado por muitos o mais belo dos israelitas. 

Era alto, forte, charmoso, e quando estava no meio do povo, ele aparecia dos ombros para cima.

Tinha ele a aparência de alguém que nascera para governar. 

No entanto, com tais fascínios externos, Saul era desprovido daquelas propriedades mais elevadas que compõem a verdadeira sabedoria. 

Não tinha aprendido em sua juventude a dominar suas paixões aventureiras e impetuosas; nunca conhecera o poder renovador da graça divina.

Saul parecia destinado a uma vida de filhinho de papai e mais nada. 

Mas o destino de um homem pode tomar uma direção mais contraditória graças a um fato corriqueiro. 

Certo dia Quis chamou o filho. 

_ Saul?

_ Sim papai!

_ Tenho uma missão pra você.

_ E o que seria?

_ Saul, as jumentas fugiram.

_ FUGIRAM?

_ Eu preciso que você junte alguns de meus empregados e vá procurar as jumentas.

_ Entendi. Já estou indo, pai.

Saul escolheu o empregado de seu pai com quem se dava melhor, e os dois saíram para procurar as jumentas. 

Durante três dias fizeram infrutíferas buscas.

Até que chegaram até as montanhas de Efraim, passaram por Salisa e pela terra de Saalim, reentraram em território benjamita. 

Quando entraram na terra de Zufe, Saul finalmente entendeu que a procura era inútil, e disse ao empregado:

_ Vamos voltar para casa; se não, em vez de se preocupar com as jumentas, o meu pai vai acabar se preocupando com a gente.

O empregado respondeu: 

_ Espere patrãozinho. Nesta cidade mora um homem santo que é muito respeitado porque tudo o que ele diz acontece. Vamos falar com ele. Talvez ele possa nos dizer onde podemos encontrar as jumentas.  

_ Quem?

_ O profeta Samuel.

_ Se formos lá, o que vamos levar para ele? Não há comida nas nossas sacolas, e não temos nada para lhe dar. Ou será que temos?  

Isso estava de acordo com o costume daqueles tempos. 

Uma pessoa que se aproximasse de um superior em posição social ou função, dava-lhe um pequeno presente, em sinal de respeito.

_ Tenho uma pequena quantia de prata que posso dar a ele para que nos conte onde poderemos achar as jumentas.  

_ É uma boa ideia! Vamos! 

Continua na próxima postagem!

Em Cristo!

Gostou deste artigo? Então deixe um comentário!

A seguir: Saul encontra-se com Samuel é preparado por Deus para encontro que teria com Saul!