Images

I Samuel 27: 5-12 - Davi, vira um bandido perigoso - parte 2


Davi, vira um bandido perigoso - parte 2

I Samuel 27: 5-12 

Davi contava com sua fama de persona non grata em Israel para impressionar Aquis, rei de Gate.

Foi até Gate, portanto, e apresentou-se ao rei. 

Aquis ainda se lembrava de Davi na última ocasião, babando e riscando as portas, expulso da cidade pelos guardas, então ficou impressionado com a altivez do israelita em sua presença.

_ Ei. Você não era doido?

_ Eu percebi que o senhor desconfiava de mim, então me fiz de maluco para escapar.

_Muito inteligente, muito inteligente… Entenda minha posição, Davi. Eu não podia confiar num homem tão popular em Israel, o homem que havia matado Golias, nosso maior guerreiro.

_Eu entendo, majestade.

_Mas hoje eu sei da sua situação, de como Saul o persegue e de como você e seus homens se esgueiram por todo o território de Israel. Seja bem vindo, portanto.

_Obrigado. Muito obrigado.

A verdade é que Aquis sabia que Davi era grande conhecedor do território israelita, depois de tanto tempo vagando pela terra. 

Como não era benquisto em Israel, o rei de Gate contava com sua lealdade, o que seria importantíssimo em caso de guerra. 

Sendo assim, Davi, suas duas esposas e seus soldados foram muito bem recebidos e ficaram morando em Gate. 

Mas não se sentiam à vontade na cidade, então Davi foi falar com Aquis:

_ Majestade, se o senhor vai mesmo com a minha cara, queria lhe fazer um pedido.

_ Pode dizer, Davi.

_Queria saber se o senhor poderia me dar uma cidade para morar. Não vejo necessidade em ficar morando aqui na capital com meus soldados, atrapalhando a vida das pessoas e coisa e tal.

_ Ué, vocês não estão atrapalhando em nada. Mas se você faz mesmo questão, pode ir morar em Ziclague.

Esta cidade é de 25 milhas ou mais para o sul e leste de Gate. 

É um pouco fora do caminho, a partir de uma perspectiva do filisteu, e não muito distante das cidades israelitas. 

Davi e seus seguidores tem agora um "lugar próprio", em uma área onde as atividades de Davi não serão monitoradas por Aquis. 

É algo como viver longe o suficiente da sogra para ter uma vida própria. 

Davi habitou na terra dos filisteus um ano e quatro meses, mas a cidade de Ziclague se tornará futuramente uma posse permanente dos reis israelitas.

Davi e seus homens recebem um lugar para se viver. 

Eles também precisam de um meio de subsistência. 

A solução de Davi para este problema é realmente engenhosa. 

Davi usa Ziclague como seu quartel general, sua base de operações. 

Durante todo esse tempo, dedicou-se a atacar os povos que viviam naquela região (gesuritas, girzitas e amalequitas), todos inimigos de Israel.  

Davi mata todas as pessoas cujas aldeias ele invade, incluindo crianças, mas não mata todo o gado. 

Tomava as ovelhas, o gado, os jumentos, os camelos, e as roupas, como o fornecimento de alimentos para as suas famílias. 

Ele mata todas as pessoas, sem deixar sobreviventes, não porque este era um mandamento de Deus, mas porque era a única maneira que ele poderia fazer para continuar sua decepcionante missão.

Davi poderia não ter sido sábio em fugir para refugiar-se com os filisteus na busca de segurança, mas ele certamente era astuto e inteligente. 

A presença de Davi entre os filisteus parecia um verdadeiro trunfo para o rei Aquis. 

Afinal de contas, pelo menos pelas aparências Davi estava lutando pelos filisteus contra os israelitas. 

Depois de cada ataque, Davi voltava a Gate para levar parte do espólio a Aquis, e o rei perguntava quem ele tinha atacado. 

Ele mentia, dizendo que tinha saqueado o sul de Judá, ou Jerameel, ou a terra dos queneus. 

Aquis nem imaginava que eram os espólios de seus amigos e parentes de seu povo.

Por isso precisava matar todo mundo em todo lugar que atacasse: se alguém escapasse, poderia correr até Gate e contar ao rei o que de fato acontecera. 

Sem testemunhas de seus crimes, agradava a Aquis ao dizer que atacava Israel dia após dia, e enriquecia. 

Depois de tanto tempo vivendo como malfeitor, Davi finalmente tornara-se um verdadeiro bandido. 

Aquis, imaginando o quanto seu hóspede era odiado em todo o Israel, pensava que ele lhe seria leal por toda a vida, fosse por gratidão ou por ser a única opção.

Isto deve significar que os israelitas nunca teriam Davi de volta, e certamente não como seu rei.

1 Samuel 30: 26-31 nos revela ainda que Davi está matava os inimigos dos israelitas, e depois compartilhava alguns dos despojos com eles, fazendo visitas frequentes às suas cidades, buscando amizade com os israelitas, enquanto vivia sob a proteção dos filisteus. 

Sinceramente, não entendo como Davi pode chegar a esse nível mental e espiritual tão sujo.

Continua...

A seguir: O mito dos heróis na Bíblia!


Sobre o Autor:
CLAILTON LUIZ Clailton Luiz - Empresário, Palestrante, Especialista em Gestão de Tempo e Produtividade, Escritor, Autor do Livro “Empreendedor Gourmet”, Professional e Self Coach, Leader Coach, Analista Comportamental pela Coaching Assessment. Líder de Jovens e adolescentes, pregador, professor e amante da Palavra de Deus!

4 comentários:


  1. Estou a tentar visitar todos os seguidores do Peregrino E Servo, pois por uma acção do google meu perfil sumiu e estava a seguir o seu blog sem foto e agora tive de voltar a seguir, com outra foto. Aproveito para deixar um fraterno abraço.
    António Jesus Batalha.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns um grande abraço.
    http://verdade-curumin.blogspot.com.br/2016/06/esperanca.html

    ResponderExcluir
  3. A paz... nao tem a continuaçao :(

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails