O treinador mais bem sucedido de todos os tempos - Jesus.




Conheça o treinador mais bem sucedido de todos os tempos, Jesus. Ele treinou um grupo de pessoas comuns, como simples pescadores, personagens estranhos, pessoas mal educadas, com modos rudes e passado sombrio. Com certeza, não é um grupo muito promissor para vender uma nova mensagem de alcance mundial. Mas com eles, formou uma equipe com a qual mudou o mundo como ninguém havia feito antes e como ninguém conseguiu depois dele. 

Ele os treinou por quase três anos e revelou a eles sua mensagem revolucionária.

Durante seu treinamento falou de sua missão, de sua visão de futuro, seus valores, sobre gestão de tempo, planejamento, empreendedorismo, ansiedade, relacionamentos e muito mais.

Aquelas pessoas estranhas, rudes e mal educadas, aprenderam com seu treinador e espalharam sua mensagem como fogo pelo mundo.

Quem era esse misterioso homem da Galiléia? Qual foi o seu segredo de sucesso? O que ele ensinou? 

Essa é a proposta do autor no E-book "Jesus Meu Coach". Revisar de forma cronológica todos os momentos em que Jesus atuou como um treinador de pessoas, e como replicar esse treinamento em nossas vidas.

Aprenda no livro digital "JESUS MEU COACH", como Jesus transformou um simples grupo de discípulos, apreensivos e impacientes, na classe mais excelente de treinadores que podemos conhecer!

 
Acompanhe nosso trabalho: 

Leia Mais ►

2 Samuel 3: 22 - 27 - Abner é assassinado


Abner é assassinado
As coisas estavam tudo indo muito bem para Davi. Quase chegando ao ponto de ter o reino reunificado em suas mãos. Estava muito feliz com o acordo que havia feito com Abner. O comandante do exército israelita, também comemorava o fato de ter feito um bom acordo com o futuro rei, e quem sabe vir a ser uma autoridade mais poderosa do que foi durante os tempos de Saul. Então, tudo estava indo muito bem, mas até o momento em que Joabe viesse a entrar em cena.
Joabe tinha ido com com seus homens fazer um ataque surpresa a um inimigo. Quando voltou a Hebrom, trazendo consigo um belo despojo, foi surpreendido e ficou muito revoltado ao descobrir que Davi tinha feito um acordo com Abner. Inconformado, foi falar com Davi.
— Você recebeu Abner aqui?
— Recebi sim. E a boa notícia é que ele veio me propor um acordo de paz, Joabe! Eu vou ser rei sem ter que derramar mais sangue!
— Quer dizer então que Abner veio aqui, falou com você, e depois foi embora sem nenhuma repreensão?
— Sim. Fiz com ele um acordo! 
— Será que você não conhece Abner, Davi? Ele veio até aqui para espionar, para anotar seus pontos fracos, e depois nos atacar.
— Acho que você está exagerando.  
Joabe acusou Abner de ser um agente duplo de Isbosete. Ele estava com muita raiva por Davi deixar Abner ir sem prendê-lo ou matá-lo.
Além disso, havia o problema da morte de seu irmão por Abner, e Joabe prometeu vingar o sangue de Asael (Números 35: 9-28 ).
Como o general e chefe do exército de Saul, Abner tinha experiência militar de alto nível. E então, Abner poderia ocupar o lugar de Joabe como principal assistente militar de Davi. Uma forte concorrência.
Joabe saiu batendo a porta, e com um plano em mente. O plano iniciava com algumas mensagens a Abner, pedindo que retornasse. Mas Davi não ficou sabendo disso. 
Nenhuma explicação de Davi teria feito Joabe mudar de ideia, pois ele estava decidido a punir Abner.
Os mensageiros alcançaram o general no poço de Sira e o convenceram a voltar. Quando Abner retornou a Hebrom, ficou surpreso ao ser recebido por Joabe logo no portão da cidade:
— Abner! Como vai meu amigo!
— Er… Vou bem Joabe! Recebi sua mensagem, me disseram que você queria falar comigo. Aconteceu alguma coisa?
— Não! Eu lhe chamei porque preciso tratar uns probleminhas com você… Podemos conversar a sós?
Joabe levou Abner até um canto do portão, atrás de uma pilastra.
_ Então, Abner, quando retornei de uma batalha, fiquei sabendo do acordo entre você e Davi, e fiquei muito contente.
— Sério?
— Sim! 
Dizendo isso, Joabe aproximou-se de Abner e esfaqueou seu coração. Abner, desfalecendo, olhou, surpreso, para o rosto de seu assassino, enquanto caia de joelhos. Como não percebera as reais intenções de Joabe? 
Joabe havia acusado Davi por não pensar direito, mas agora ele estava fazendo exatamente a mesma coisa, pois esse ato fraudulento e assassino poderia minar a unidade de Judá e Israel. 
Em poucos segundos o general jazia morto, caído em uma enorme poca de sangue às portas de Hebrom. 
Joabe projetou cuidadosamente esse assassinato para que a morte fosse feita do lado de fora dentro da cidade. No portão de Hebron. Isso porque Hebron era uma cidade de refúgio (Josué 20: 7), e seria contra a lei vingar o sangue de Asael dentro de Hebron.
A conspiração cuidadosa para assassinar Abner fora da cidade de refúgio tornou o assassinato ainda mais sombrio. Mostrou que Joabe sabia que Abner tinha uma reivindicação legítima de autodefesa e estava protegido dentro da cidade de Hebron, mas mesmo assim o matou.
Rapidamente o povo se ajuntou, e Joabe nem se deu ao trabalho de se esconder. Pelo contrário: fazia questão que todos soubessem que ele mesmo tinha acabado com a vida de Abner, vingando assim a morte de Asael, seu irmão. 
Com o assassinato de Abner, a situação acabou se complicando para o lado de Davi. Como Joabe era seu homem de confiança, era de se esperar que todo mundo concluísse o mesmo: que Davi, traiu Abner. Sabendo que esse seria o pensamento de todos, Davi fez questão de afirmar em público que não concordava com a atitude de Joabe.
Ele sem dúvida tinha suas justificativas para matar Abner, mas na verdade cometeu um crime rancoroso e covarde, pois Abner era incapaz de se defender. Na verdade Abner matou Asael, mas foi em autodefesa (2Samuel 2:23), pois, como nosso texto indica, Abner matou Asael em batalha. 
Em batalha - o que ele fez por sua própria defesa necessária; e, portanto, não era justificativa desse assassinato traiçoeiro ”.
O personagem de Joabe é interessante de se estudar. Em um momento ele é um grande herói de guerra. Em outro ele é implacável e insubordinado. Em um ponto ele é um acessório de Davi para o assassinato de Urias. Em outro ele repreende Davi por lamentar a morte de seu filho rebelde. Ele não é exatamente fácil de se entender, e isso o torna muito parecido conosco.
A velocidade com que as Escrituras contam essa história mostra a frieza do crime. Mas o ritmo também mostra que é realmente uma construção para o ponto real da história: a maldição de Davi sobre Joab. 

Que nenhum de nós jamais ouça palavras como essa da boca de um ungido de Deus! 
Mas, no entanto, apenas alguns capítulos depois (nocapítulo 8), veremos que Davi fará de Joabe o comandante de seu exército! 
Mais tarde, ele desobedecerá a Davi e será substituído por um homem chamado Amasa, apenas para matá-lo e ser renomeado. 
Ele também conspirará contra a escolha de um sucessor de Davi, enquanto seu rei estiver morrendo, forçando Salomão a caçá-lo e executá-lo quando assumir o trono. 
Joabe então, ainda vai dar muito trabalho e dor de cabeça a Davi.
Em Cristo!
Leia Mais ►


Dicas de como usar este blog



1. Ore, peça que Deus fale com você.


2. Leia em sua Bíblia os versículos sugeridos do dia.


3. Agora leia o comentário no blog dos versículos que você acabou de ler em sua Bíblia.



4. Volte para sua Bíblia, e a personalize, faça anotações, sublinhe etc. Quando você ler novamente estes mesmos versículos, vai lembrar-se da mensagem.


5. Se desejar, deixe seu comentário no blog.


6. Guarde em seu coração, o que você aprendeu com a palavra de Deus neste dia e compartilhe com outras pessoas.


7. Indique este blog.


8. Inscreva-se como um seguidor.


A palavra de Deus não é para ser apenas lida como se lê um livro ou um jornal, é para ser meditada, decorada e estudada.

Seguidores