Gênesis 2:18-20 - Fomos criados para ter relacionamentos


Fomos criados para ter relacionamentos

Quando Deus colocou o primeiro homem no jardim, a mulher não havia ainda sido criada.

Segundo o capítulo 1, tanto o homem como a mulher foram criados no sexto dia, portanto tudo o que é relatado no capítulo 2 sucedeu nesse mesmo dia.

Todos os animais tinham sido criados em multidões ou em grupos, mas o homem foi criado como um indivíduo solitário.

No entanto, não era o propósito de Deus que ele estivesse só por muito tempo.

Como a solidão seria prejudicial para o bem-estar do homem, Deus ia dar uma companheira.

Adão devia estudar os animais e ocupar-se na importante tarefa de dar-lhes nomes apropriados, para o qual precisava um entendimento deles e de seus hábitos. Isto o capacitaria ou demonstraria que ele estava capacitado para governá-los.

Ao mesmo tempo, conheceria a vida familiar de que desfrutavam os animais, adão deveria perceber que não estava completo e deveria sentir sua necessidade de companhia.

Em outras palavras, "não" era "bom" que permanecesse só.

Deus nos criou para termos relacionamentos. Devemos nos relacionar com Deus e com outras pessoas.

Com Deus nos relacionamos através de nosso espírito, pois o Senhor está buscando adoradores que o adorem em espírito e em verdade.

A comunhão com Deus é o alimento para nosso espírito. Quando não temos comunhão com Deus ficamos sem alimento e adoecemos.

Com pessoas nos relacionamos através de nossa alma. É por isso que não podemos ter comunhão com um “boi” esse não tem alma.

A comunhão com pessoas é o alimento para nossa alma. Quando não temos comunhão com as pessoas ficamos sem alimento e também adoecemos.

Portanto devemos colecionar amizades sadias e verdadeiras em Cristo. Não é bom que vivamos sem boas amizades.

É por isso que um dia nos apaixonamos nos casamos e formamos uma família.

Por isso não é bom que o ser humano viva só.

Em Cristo;

A seguir: Adão é apresentado a Mulher


Sobre o Autor:
CLAILTON LUIZ Clailton Luiz - Empresário, Palestrante, Especialista em Gestão de Tempo e Produtividade, Coach, Analista Comportamental e amante da Palavra de Deus!

6 comentários:

  1. Olá!Gostaria de saber em que você se baseia para dizer que os animais não tem alma?!!!
    Se Deus já uso animais para falar com o homem e de modo que eles expressaram seus sentimentos
    como por exemplo:"
    Números 22:22
    22 A ira de Deus se acendeu, porque ele ia, e o anjo do Senhor pôs-se-lhe no caminho por adversário. Ora, ele ia montado na sua jumenta, tendo consigo os seus dois servos.
    Números 22:23
    23 A jumenta viu o anjo do Senhor parado no caminho, com a sua espada desembainhada na mão e, desviando-se do caminho, meteu-se pelo campo; pelo que Balaão espancou a jumenta para fazê-la tornar ao caminho.
    Números 22:25
    25 Vendo, pois, a jumenta o anjo do Senhor, coseu-se com a sebe, e apertou contra a sebe o pé de Balaão; pelo que ele tornou a espancá-la.
    Números 22:27
    27 E, vendo a jumenta o anjo do Senhor, deitou-se debaixo de Balaão; e a ira de Balaão se acendeu, e ele espancou a jumenta com o bordão.
    Números 22:28
    28 Nisso abriu o Senhor a boca da jumenta, a qual perguntou a Balaão: Que te fiz eu, para que me espancasses estas três vezes?
    Números 22:29
    29 Respondeu Balaão à jumenta: Porque zombaste de mim; oxalá tivesse eu uma espada na mão, pois agora te mataria.
    Números 22:30
    30 Tornou a jumenta a Balaão: Porventura não sou a tua jumenta, em que cavalgaste toda a tua vida até hoje? Porventura tem sido o meu costume fazer assim para contigo? E ele respondeu: Não.
    Números 22:32
    32 Disse-lhe o anjo do senhor: Por que já três vezes espancaste a tua jumenta? Eis que eu te saí como adversário, porquanto o teu caminho é perverso diante de mim;
    Números 22:33
    33 a jumenta, porém, me viu, e já três vezes se desviou de diante de mim; se ela não se tivesse desviado de mim, na verdade que eu te haveria matado, deixando a ela com vida."
    Acredito que os animais tem alma sim...uma vez vi num documentario que falava de Salomão e ele com toda sua sabedoria conseguia ouvir o que os animais e as plantas falavam...e estes louvavam a Deus.É certo que não devemos nos relacionarmos de forma sexual com os animais,mas acredito que devemos ama-los e tratar-los bem,porque se Deus cuida e perdoa a nós que fazemos muito mais mal a tudo...quanto mais ele também não se lembrará dos animais,mesmo sabendo que ele disse q nós valemos mais que passarinhos!
    Mas é isso.Obrigada.Adoro seu blog!
    renatarnr@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. “Segue o Juízo por que os homens que transgrediram irão receber a sentença de seus atos no último “Dia” de Pecado, mesmo os que dormem, pois o homem morre fingindo que não deve nada em suas consciências”.
      Os animais têm alma (consciência)? O que a Bíblia ensina sobre isso?
      Animais - Estão sujeitos às mesmas doenças, dores e calamidades. Assim morre - como, certamente, e não menos, dolorosamente. Uma respiração - Um sopro de vida, que está em suas narinas, através da qual os animais efetuam as suas operações de um mesmo modo tais como correr_alimentar_descansar_etc.
      Animais têm alma (consciência)? O que a Bíblia diz?
      A primeira coisa que precisamos definir é o que entendemos por alma (consciência). Na Bíblia, alma (consciência) e espírito (fôlego) são sinônimos e apontam para a parte imaterial do ser humano em todos os aspectos. É por isso que algumas vezes a Bíblia se refere, por exemplo, aos nossos sentimentos como alma (consciência) (Salmos 13:2) e, em outras, usa alma (consciência) para falar do nosso ser estado emocional (fôlego_Nota: Quando estamos chateados; tristes; cansados etc... LOGO SUSPIRAMOS_Ezequiel 18:4). Agora que definimos o que é alma (consciência), vamos considerar em nossa análise se os animais têm alma (consciência) como os seres humanos têm.
      Quando analisamos a criação observamos a criação dos animais em Gênesis 1:20-25. Nessa criação não existe qualquer detalhamento falando a respeito de alma (consciência). Mas nos chama a atenção que é revelada que O Altíssimo fez os animais “segundo as suas espécies”. Isso nos ajudará a entender melhor a situação daqui a pouco. Continuemos: Já na criação do ser humano, encontramos dentro do detalhamento dado pelo Altíssimo, que o ser humano foi criado à imagem (justiça) e semelhança (santidade_pureza) do Altíssimo (Gênesis 1:26) e também que o Altíssimo o criou com corpo e alma (consciência) ou espírito (fôlego) (Gênesis 2:7). Aqui temos uma diferença fundamental entre animais e seres humanos.
      Feitas essas colocações podemos concluir algumas coisas: os animais não têm uma alma (consciência) como os seres humanos têm, ou seja, uma parte imaterial imortal, sendo imagem e semelhança do Altíssimo. O que os animais possuem é o instinto. O instinto foi dado pelo Altíssimo a eles quando os criou “segundo as suas espécies”. O Altíssimo escreveu dentro deles leis naturais que cada espécie iria seguir. É por isso que cada espécie de animal age de uma forma, que algumas são selvagens enquanto outras se deixam domesticar, e outras diversas ações características de cada espécie. O instinto é o fôlego de vida do animal.
      Não podemos negar, no entanto, que existe certo nível de emoções e inteligência dentro do ser de cada animal. Veja este texto: “O boi conhece o seu possuidor, e o jumento, o dono da sua manjedoura…” (Isaías 1:3). Como um boi ou um jumento poderiam “conhecer” o seu dono se não existisse algo dentro dele que o possibilitasse interagir dessa forma como os seres humanos? Alguns entendem que isso poderia ser um indicativo de que os animais têm alma (consciência) como nós seres humanos temos, no entanto, isso é pouco provável. O mais provável é que dentro do instinto dos animais exista essa capacidade, especialmente em espécies de animais domésticos; uma capacidade que permite que eles interajam com o mundo a sua volta, especialmente com os seres humanos, fato que era comum no período que a terra estava gozando de unidade e comunhão entre todos os seres vivos_Isaías 65:25.

      Excluir
  2. Prezada Renata;

    Obrigado por acompanhar este modesto blog.

    Vamos ver se consigi lhe responder a sua dúvida.

    Ao contrário dos animais, o ser humano tem uma alma imortal. O homem foi criado diretamente por Deus (Gn 1.16; Gn 2.7) e dEle recebeu o fôlego de vida, o que não aconteceu com os animais. Além disso, o homem também foi criado à imagem e semelhança de Deus, com capacidade de pensar, sentir e querer. Assim o homem - ao contrário dos animais - consegue viver no hoje, pensar no ontem e planejar o amanhã. A razão de ser e a missão do homem também é diferente da dos animais.

    Os animais, e com eles toda a criação, existem para mostrar a grandeza de Deus e proclamar a glória do Senhor enquanto alegram o coração dos homens e servem para seu proveito (Gn 1.28; Gn 9.3; Sl 8.6-7). O homem, porém, foi criado por Deus à Sua imagem. Essa criação à imagem e semelhança de Deus define a tarefa dos seres humanos, ou seja, ter comunhão com o Criador e viver para a Sua glória e adoração (Gn 3.9; Sl 8.4-5; 1 Jo 1.3; Tg 3.9).

    Que Deus lhe abençoe!

    ResponderExcluir
  3. Irmão Clailton, o que o senhor diz a respeito do versículo 19?
    "... e tudo o que Adão chamou a toda a alma vivente, isso foi o seu nome."

    ResponderExcluir
  4. Muito bom!! Por gentileza,poderia esclarecer o versículo GN 2:18 quanto a palavra *diante
    Obrigado

    ResponderExcluir



Dicas de como usar este blog



1. Ore, peça que Deus fale com você.


2. Leia em sua Bíblia os versículos sugeridos do dia.


3. Agora leia o comentário no blog dos versículos que você acabou de ler em sua Bíblia.



4. Volte para sua Bíblia, e a personalize, faça anotações, sublinhe etc. Quando você ler novamente estes mesmos versículos, vai lembrar-se da mensagem.


5. Se desejar, deixe seu comentário no blog.


6. Guarde em seu coração, o que você aprendeu com a palavra de Deus neste dia e compartilhe com outras pessoas.


7. Indique este blog.


8. Inscreva-se como um seguidor.


A palavra de Deus não é para ser apenas lida como se lê um livro ou um jornal, é para ser meditada, decorada e estudada.

Seguidores