Gênesis 30:1-9 - Os planos dos homens e os propósitos de Deus


Os planos dos homens e os propósitos de Deus

V-1
O sucesso de Leia como mãe despertou a inveja de Raquel mais do que podia suportar.

Apesar de Raquel desfrutar da maior parte do afeto de seu esposo, não podia estar contente enquanto sua irmã a ultrapassava no que, para todo oriental, é o mais importante de todos os deveres de uma esposa: a maternidade.

E quando Raquel percebeu que não podia ter filhos, ficou com tanta inveja da sua irmã Léia que disse ao marido:

_ Jacó! Se for pra eu não ter nenhum filho, eu prefiro morrer!

V-2
Jacó é claro, ficou muito zangado com Raquel.

_Você está pensando que eu sou Deus? Se você não engravida, isso é problema seu com Deus, tenho nada com isso não!

A resposta de Jacó como dá pra notar, manifesta certa falta de espiritualidade.

V-3
Então Raquel disse:

_ Tenho uma idéia. Sabe a minha escrava Bila? Quero que você tenha relações com ela e quando ela tiver um filho, será como se fosse meu. Desse modo eu serei mãe por meio dela.

A proposta de Raquel, que Jacó aceitou e levou a cabo, era tão pecaminosa como a de Sara (cap. 16: 2), mas sem a desculpa de Sara, já que não tinha agora nenhuma questão quanto a um herdeiro para Jacó, era apenas por competição.

V-4,5
Assim, Raquel deu a Jacó a sua escrava Bila para ser sua concubina, e ele teve relações com ela.

Era só o que faltava, o relacionamento de Jacó neste casamento começou com a poligamia e terminou com o concubinato.

Bila ficou grávida e deu a Jacó um filho.

V-6,
Quando a criança nasceu ela disse:

_ Este menino vai se chamar Dã porque Deus foi justo comigo. Ele ouviu a minha oração e me deu um filho.

Raquel estava totalmente cega, tinha considerado sua esterilidade como uma injustiça divina em vista da fecundidade de Leia, considerou então o nascimento de Dão como uma aprovação divina de sua conduta.

V-7,8
Depois do nascimento de Dão, Jacó aceitou e seguiu uma renovada instigação de Raquel de conseguir outro filho para ela mediante sua serva.

Foi aí que Bila ficou grávida outra vez e deu a Jacó outro filho.

Quando nasceu o segundo filho de Bilha, a quem Raquel considerava seu por adoção, declarou;

_ O nome deste menino será Naftali porque lutei muito contra minha irmã e venci.

V-9
E Leia, o que achava de tudo isso?

Porque eu fui perguntar...?

Leia acostumada a ter um filho a cada ano, se impacientou quando percebeu que não daria mais a luz.

Que Raquel tivesse tido filhos através de sua serva, isso não incomodava a Leia, enquanto ela tivesse a perspectiva de ter seus próprios filhos, mas agora Leia começa a transformar-se em vítima da própria inveja.

O meio empregado por Raquel para vencer a irmã, aumentou a rivalidade entre as duas, e a inveja impulsionou Leia a usar do mesmo meio que tinha usado Raquel.

Leia deu a sua escrava Zilpa a Jacó para ser sua concubina também.

E aí, o que já era errado, virou bagunça!

Será mais uma vez os planos dos homens, frustrando os propósitos de Deus?

Em Cristo!

Sobre o Autor:
CLAILTON LUIZ Clailton Luiz - Empresário, Palestrante, Especialista em Gestão de Tempo e Produtividade, Coach, Analista Comportamental e amante da Palavra de Deus!

Um comentário:

  1. Raquel e Lia demonstraram falta de fé quando usaram seus artifícios para se tornarem mães.

    A fé esta baseada na Palavra de Deus (Romanos 10:17).

    Certamente elas tinham ouvido a respeito das promessas de Deus para Abraão, e também de Suas bênçãos sobre Abraão e Isaque.

    Portanto, a atitude delas era uma demonstração de falta de fé.

    ResponderExcluir



Dicas de como usar este blog



1. Ore, peça que Deus fale com você.


2. Leia em sua Bíblia os versículos sugeridos do dia.


3. Agora leia o comentário no blog dos versículos que você acabou de ler em sua Bíblia.



4. Volte para sua Bíblia, e a personalize, faça anotações, sublinhe etc. Quando você ler novamente estes mesmos versículos, vai lembrar-se da mensagem.


5. Se desejar, deixe seu comentário no blog.


6. Guarde em seu coração, o que você aprendeu com a palavra de Deus neste dia e compartilhe com outras pessoas.


7. Indique este blog.


8. Inscreva-se como um seguidor.


A palavra de Deus não é para ser apenas lida como se lê um livro ou um jornal, é para ser meditada, decorada e estudada.

Seguidores