Gênesis 46: 6-28 - José do Egito: Jacó chega ao Egito

José do Egito: Jacó chega ao Egito

Gênesis 46: 6-28

Na postagem anterior vimos que Deus apareceu a Jacó , aprovando sua ida ao Egito, e informando-o que lá faria dele uma grande nação.

Em sua onisciência, Deus iria colocar Jacó e sua descendência em uma terra fértil, onde ficariam isolados por quatro séculos dos povos idólatras que os rodeavam, protegidos pelos Faraós egípcios.

Deus prometeu acompanhá-lo ao Egito, e a fazê-lo tornar a subir: promessa cumprida aos seus descendentes após os quatro séculos.


V:6,7
Fortalecido e animado pelas promessas divinas que outra vez lhe tinham sido asseguradas na visão noturna, Jacó seguiu para o Egito acompanhado por seus filhos e netos.

V:8-27.
Em seguida encontramos uma relação dos filhos e netos que vieram com ele. Apesar de ser um trecho de leitura monótona, ela é importante para os judeus porque indicam as origens de suas tribos, e também para nós porque encontramos a genealogia que nos leva a Jesus Cristo, e é seguida através do resto da Bíblia.

Se você quiser ler todos os nomes, veja em sua Bíblia, aqui farei apenas um breve resumo.

Temos neste trecho a relação de 70 descendentes de Jacó, compreendendo 12 filhos, 1 filha, 53 netos, 4 bisnetos, bem como de suas 10 noras, que não eram descendentes.

Este pequeno clã se tornou uma grande nação.
Quão grandes coisas Deus pode fazer através de algo aparentemente insignificante.

28,29
Como eles não conheciam a terra (e não tinham um mapa), para ter certeza de que estavam indo ao lugar certo, Jacó mandou Judá ir se informar com José sobre como chegar ali.

Afinal um grande rebanho de ovelhas, vacas, cabras e camelos não podia ficar errando pelo caminho!

Judá, tendo demonstrado notáveis qualidades para a liderança, em sua viagem prévia ao Egito, foi elegido naturalmente para representar ao ancião patriarca e assim anunciar sua chegada.

Depois de obter de José as instruções necessárias quanto ao lugar onde iam estabelecer eles, ele logo voltou para guiar a caravana a Gosém.

O fato de que Judá realizasse esta tarefa sugere que já tinha sido escolhido por Jacó como herdeiro da primogenitura.


Em fim chegaram, sem maiores problemas, à terra de Gósen que José lhes havia indicado.

Naquele tempo era uma planície muito fértil, a melhor parte da terra (capítulo 47:6,11), a leste do rio Nilo, onde o Faraó mantinha o seu gado.

José, eufórico, foi em seu carro magnífico encontrar-se com seu pai, este seria um encontro muito emocional entre eles.

Este encontro levaria ao ponto mais alto as vidas de ambos estes homens.

Em Cristo;

A seguir, José do Egito: O encontro

Sobre o Autor:
CLAILTON LUIZ Clailton Luiz - Empresário, Palestrante, Especialista em Gestão de Tempo e Produtividade, Coach, Analista Comportamental e amante da Palavra de Deus!

3 comentários:



Dicas de como usar este blog



1. Ore, peça que Deus fale com você.


2. Leia em sua Bíblia os versículos sugeridos do dia.


3. Agora leia o comentário no blog dos versículos que você acabou de ler em sua Bíblia.



4. Volte para sua Bíblia, e a personalize, faça anotações, sublinhe etc. Quando você ler novamente estes mesmos versículos, vai lembrar-se da mensagem.


5. Se desejar, deixe seu comentário no blog.


6. Guarde em seu coração, o que você aprendeu com a palavra de Deus neste dia e compartilhe com outras pessoas.


7. Indique este blog.


8. Inscreva-se como um seguidor.


A palavra de Deus não é para ser apenas lida como se lê um livro ou um jornal, é para ser meditada, decorada e estudada.

Seguidores