Josué 2: 6-18 - Josué envia espiões a Jericó – parte II

Josué envia espiões a Jericó – parte II

Josué 2: 6-18

Os mensageiros saíram em busca dos espiões, que na verdade estavam escondidos embaixo de um monte de feixes de linho ali mesmo no terraço da casa de Raabe.

Antes que os espiões fossem dormir, Raabe subiu ao terraço e disse a eles:

_ Eu sei que vocês são israelitas e que vieram aqui para espionar a terra.

_ Hi... A casa caiu!

_ Não, não! Podem ficar sossegados. O fato é que todos ouvimos dizer que o Deus de vocês secou o Mar Vermelho para que o atravessassem, e também soubemos da vitória de vocês sobre Seom e Ogue, reis amorreus. A cidade toda está morrendo de medo da hora em que vocês vão chegar aqui destruindo tudo. Olhamos com apreensão para o seu acampamento do outro lado do rio, vocês formam uma multidão impressionante. O Deus de vocês, o SENHOR, é Deus lá em cima no céu e aqui em baixo na terra.

_ Hum...

_ Então eu quero fazer um trato com vocês...

_ Que trato?

_ Primeiro, jurem em nome do SENHOR e prometam que vão ser bons para a minha família porque eu também tratei vocês com bondade.

_ Hum… Meio complicado... Tá, nós prometemos.

_ Sério?

_ Se não cumprirmos a nossa palavra, nós é que deveremos morrer, e não você!

_ Como posso acreditar em vocês?

_ Se você não contar a ninguém o que estamos fazendo, fique certa de que cumpriremos a nossa promessa. Quando o SENHOR nos der esta terra, seremos bons para você e mostraremos que somos homens de palavra.

_ No que depender de mim, podem ficar tranqüilos.

_ Então tá...

_ Quando vocês forem embora, desçam pela janela, usando esta corda.

Raabe morava numa casa construída na muralha da cidade, lembram?

_ Aconselho a vocês, irem para as montanhas.

_ Por quê?

_ Porque os homens que estão procurando vocês vão achá-los se forem pelo caminho que vieram...

_ Entendi...

_ Escondam-se lá três dias, até que eles voltem. Depois vocês podem ir embora.

_ Valeu mesmo Raabe... Agora vamos combinar um sinal, para quando invadirmos?

_ Claro!

_ Quando invadirmos a sua terra amarre este cordão vermelho na janela de onde nós desceremos...

_ Certo!

_ Junte, dentro da sua casa, o seu pai, a sua mãe, os seus irmãos e todos os parentes do seu pai...

_ E ninguém poderá sair?

_ Se alguém sair da casa será culpado da sua própria morte, e nós não seremos responsáveis. Mas, se alguém que estiver com você for ferido dentro de casa, a culpa será nossa.

Depois que tudo foi combinado eles foram descansar, e antes de raiar o sol fugiram para as montanhas, ficando por lá até que os grupos de busca enviados pelo rei de Jericó encerrassem seu trabalho.

Quando se sentiram seguros, os dois desceram, atravessaram o rio e foram falar com Josué, que já arrancava os cabelos de ansiedade.

_ ONDE É QUE VOCÊS SE METERAM? QUANTA DEMORA!

_ Tivemos um pequeno problema que acabou nos atrasando.

_ PROBLEMA???

_ Calma, seu Josué, o importante é que agora o senhor pode ter certeza que invadiremos Jericó sem problemas.

— Hum. É mesmo?

— Pode acreditar! O povo de lá está se borrando de medo da gente.

— Bom, muito bom!

_ Estamos certos de que o SENHOR nos deu toda esta terra.

_ Então chegou a nossa hora. Esta madrugada atravessaremos o Jordão.

Em Cristo!

Josué 2:1-5 - Josué envia espiões a Jericó – parte I


Josué envia espiões a Jericó – parte I

Josué 2:1-5

Do acampamento do vale das Acácias, Josué escolheu dois homens para secretamente enviá-los como espiões:

_ Estamos prontos seu Josué!

_ Muito bem...

_ E quais são as coordenadas?

_ É o seguinte... Examine bem a terra, especialmente a cidade de Jericó.

_ Jericó?

_ Isso mesmo! Este será nosso primeiro alvo!

Os dois atravessaram o Jordão e depois de uma caminhada chegaram às muralhas de Jericó.

_ E agora, como é que a gente entra aí?

_ Sei lá. Pela porta?

_ Hum... É uma idéia.

Os dois foram até os portões da cidade e foram interpelados pelo vigia.

_ Alto lá! Identifiquem-se!

_ Somos Israelitas, viemos a sua cidade apenas para comprar alguns mantimentos.

— Hum… Ok, podem entrar.

Já dentro da cidade, olharam aqui e ali. Não querendo correr riscos desnecessários, resolveram procurar uma casa para passarem a noite.

— Bom, então vou perguntar por aí onde é que tem uma pousada baratinha.

— Mané pousada! É só a gente bater em uma casa qualquer e pedir pouso por apenas uma noite!

— Até que você não é tão burro…

— Muito obrigado. Olha ali uma casa.

— Onde?

— Ali ó!

— Que casa? Aquilo é o muro da cidade.

_ Você não ficou sabendo que há famílias inteiras morando em casas dentro destas muralhas, de tão grossas que elas são?

— Ah, não sabia…

Os dois foram até a casa e foram recebidos por uma mulher chamada Raabe, uma prostituta.

Enquanto Raabe recebia os rapazes, a notícia já chegara até os ouvidos do rei de Jericó:

_ Majestade?

_ Como ousas me importunar a esta hora?

_ É que...

_ Acho bom ter um bom motivo, vai, desembucha!

_ Dois espiões israelitas foram vistos chegando à cidade para nos espionar.

_ O que?

_ É isso mesmo meu rei...

_ Mas que petulância deste povinho andarilho... E onde eles estão, os quero vivos ou mortos.

_ Eles foram vistos entrar na casa da prostituta Raabe...

_ Então mandem agora dois soldados até a casa desta miserável e os traga para mim imediatamente.

Mas Raabe já os havia escondido.

E respondeu aos mensageiros do rei:

_ É verdade que alguns homens vieram à minha casa, Mas eu não sabia de onde eram.

_ E onde eles estão agora?

_ Veja bem, quando já estava escuro, e o portão da cidade ia ser fechado, eles saíram.

_ E pra onde foram?

_ Eu não sei para onde foram. Mas, se vocês forem depressa atrás deles, ainda poderão pegá-los.

_ Humpf. Aê, vamos caçar os desgraçados.

Continua na próxima postagem...

Em Cristo!



Josué 1:9-18 - Josué coloca em prática os planos de Moisés

Josué coloca em prática os planos de Moisés


_ Josué?

_ Sim meu Senhor!

_ Lembre-se da minha ordem.  Como eu já lhe disse, seja forte e corajoso!

Josué tinha demonstrado coragem em anos passados, mas Deus repete este princípio pela terceira vez.

O primeiro segredo da verdadeira coragem é saber e ter certeza de que temos algum poder. - Daí a sabedoria da máxima dos antigos: "Conhece-te a ti mesmo" - aprenda a ver qual é a tua capacidade real e, sabendo disso, não se atreva a aventurar-se em colocá-la à prova. 

As pessoas erram ao se subestimar. Pois a profunda autodepreciação existe pelo fato de esquecermos de nossos privilégios como cristãos.

Todos nós temos algum poder; a questão é: quanto e o quais são? Essa é a questão que devemos nos perguntar todos os dias; essa é a grande questão da vida. 

A força de Josué estava no conhecimento de sua fraqueza. Deus diz a todos nós, seja qual for o trabalho digno em que estamos entrando, 'Tenha bom ânimo; seja forte!'

Josué, humilde, não duvidava do poder nem das promessas de Deus, mas provavelmente desconfiava de si mesmo, de sua própria sabedoria, força e suficiência para levar a cabo a tarefa que tinha pela frente.

_ Não fique desanimado, nem tenha medo, porque eu, o SENHOR, seu Deus, estarei com você em qualquer lugar para onde você for!

O encorajamento final, que já havia sido dito em Josué 1:5 , nos lembra que o sucesso de Josué não dependeu somente de sua capacidade de guardar a Palavra de Deus. Dependia ainda mais da presença de Deus com ele.

E assim Deus concluiu sua conversa com Josué. Em seguida, motivado, Josué tratou logo de começar os preparativos.

Chamou os líderes israelitas e ordenou a eles que avisassem ao povo para se preparar para a travessia do Jordão. Era sua fé, sendo colocada em prática.

_ Digam ao povo para que preparem os alimentos, porque daqui a três dias vocês vão atravessar o rio Jordão para tomar posse da terra que o SENHOR, nosso Deus, lhes dará.

Ainda três dias? A espera por Deus é muitas vezes a parte mais difícil para nós, mas dias de espera são sempre dias de preparação na obra de Deus. Não há tempo perdido com Deus.

Enquanto os líderes espalhavam essa ordem, Josué foi falar com os chefes das tribos de Rúben, Gade e Manassés do Leste, as quais vocês devem se lembrar, já habitavam ao leste do Jordão.

_ Eu sei que a terra de vocês é aqui mesmo, e que, portanto vocês não teriam necessidade alguma de nos ajudar do outro lado do rio...

_ Hum...

Esse mesmo princípio opera no Corpo de Cristo. Quando um membro tem necessidade, é a necessidade comum do corpo (1 Coríntios 12:25-26). Nunca devemos nos recusar a ajudar um irmão necessitado.

_ Mas vocês se lembram do acordo que fizeram com Moisés, de atravessarem o Jordão, guerrearem conosco e só depois voltarem para suas terras?

Perceba que logo após o Senhor ter falado com Josué, ele colocou imediatamente em prática o plano de Moisés...

Não achou necessário mudar o plano e iniciar um novo programa próprio, só para ganhar fama, o que muitas vezes ocorre hoje tanto no mundo político como no religioso.

Por exemplo, não tentou ganhar a simpatia de algumas tribos liberando-as de suas obrigações.

Pelo contrário lhes recordou sua promessa...

Estas mantiveram sua palavra a um elevado custo, esforço e perigo, proporcionando assim uma lição perpétua para os que, depois de ter feito uma promessa sob grande pressão, sentem-se tentados a retirá-la quando a pressão desaparece.

_ Que é isso, Josué? É claro que a gente se lembra, e cumpriremos o combinado. E assim como obedecemos a Moisés durante toda sua vida, obedeceremos a você, e faremos tudo o que você nos ordenar.


Aqui nós vemos Israel no tipo de unidade como uma nação que era essencial para cumprir o chamado e a promessa de Deus para eles.  

Isso deve ter sido uma confirmação da palavra de Deus para Josué quando eles disseram isso. Deus ama confirmar sua palavra para nós.

_ Fico feliz em ouvir isso.

_ As nossas mulheres, nossas crianças e o gado ficarão aqui na terra que Moisés nos deu...

_ Tudo bem!

_ Más os homens pegarão as suas armas e atravessarão o rio na frente dos nossos irmãos israelitas e estarão prontos para ajudá-los na batalha!

Nas duas tribos e meia, havia uns 110.580 homens aptos para o serviço militar, mas aproximadamente 40.000 foram lutar, portanto, mais de 70.000 devem ter ficado para proteger a suas famílias e seu gado.

A disposição do povo de receber Josué como seu líder, substituindo Moisés, foi uma confirmação das palavras do Senhor a Josué anteriormente no capítulo.

Muitos ficam encantados pelo que consideram a glória da liderança, mas não levam em conta suas responsabilidades nem o sacrifício pessoal.

Para cada privilégio se apresenta sempre uma responsabilidade equivalente...

Ao que mais é dado, mais é cobrado.

Um líder deve ser forte ainda que seus subordinados fraquejem...

Precisa ter entusiasmo capaz de inspirar ânimo nos demais...

Da frieza alheia, deve obter calor...

Um líder de Deus deve viver em comunhão com o Senhor a fim de poder animar aos que se relacionam com ele...

Em Cristo!

Josué 1:8 - A chave do sucesso

A chave do sucesso

Josué 1:8

A conversa motivadora estava muito boa, e Josué precisava muito dos conselhos divinos...

E o Senhor Deus continua sua série de conselhos:

_ Fale sempre do que está escrito no Livro da Lei.

Essas palavras são retomadas no Salmo 1:2-3 e uma bênção é pronunciada em todo homem que toma essa posição em relação à palavra de Deus.

Devemos estudar a palavra de Deus, vivê-la e ir além, falar dela as pessoas a nossa volta.

Podemos ver aqui um diferença entre Moisés e todos os que o seguiram. Moisés foi o profeta “a quem o Senhor conheceu face a face”. Josué e todos os seus sucessores, do menor para o maior, encontram sua bênção e sua porção no cuidadoso estudo e cumprimento da palavra escrita de Deus.

Como diz Apocalipse 1:3 "Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo".

Depois que se estabelecessem em Canaã, os princípios divinos deveriam se repetir diariamente em cada lar.

A Palavra de Deus é a medida de nossas vidas. Imagine equipes diferentes de homens construindo uma casa com todos medindo pelo pé, não com fita métrica. A carpintaria, pisos, revestimentos, janelas e portas seria uma bagunça. Simplesmente não se funcionaria. É por isso que usamos um esquadro, uma fita métrica, o prumo, o nível, etc.

Nenhuma sociedade, igreja, família ou indivíduo pode construir seus objetivos, sem usar o padrão da Palavra de Deus. É a regra das nossas vidas.

_ Estude esse livro dia e noite e se esforce para viver de acordo com tudo o que está escrito nele.

Josué deveria fazer da lei de Deus o seu governo. Ele é convidado a meditar dia e noite, para que ele possa entendê-la. Quaisquer que sejam os assuntos deste mundo que tenhamos em mente, devemos passar pelo crivo da palavra de Deus.

Todas as suas ordens para o povo e seus julgamentos deveriam estar de acordo com a lei de Deus. Por isso, tinha que meditar nela dia e noite. Ele deveria se encorajar com a promessa e a presença de Deus, através de sua palavra.

Josué deveria ser um exemplo para o povo. Deveria ter seu próprio exemplar da palavra, copiado do que se guardava no santuário, e os sacerdotes também teriam suas cópias. Aliás, este procedimento era caro e tedioso, e o número de cópias, limitado.

E a fim de que o povo pudesse aprender a lei com mais eficácia, esta deveria ser lida ao povo, deveriam também escrevê-la nos batentes de suas portas e ensiná-la continuamente a seus filhos. (Deut. 11: 18-21)

Hoje todos podem ter seu próprio exemplar da palavra de Deus, inclusive muito mais completo do que naquele tempo. Maravilhoso privilégio!

Pense por um momento: Se naquela época, com recursos limitados e também com uma porção muito menor da palavra que temos hoje, Josué deveria meditar dia e noite, imagine nós, que a temos completa?

O dever que tinha Josué de ter em seus lábios essas palavras é hoje igualmente importante e sagrado para cada um de nós.

_ Se fizer isso, tudo lhe correrá bem, e você terá sucesso.

Isto deve ilustrar para nós que não há absolutamente nenhuma vitória ou chance para nós experimentarmos as bênçãos de nossa nova vida em Cristo, se continuarmos afastados da Palavra de Deus.

Sempre que algum cristão começa a se afastar da Palavra, por indiferença ou apatia ou por qualquer motivo, ele está se afastando do Senhor e se aproximando de derrotas.

Antes de terminar esse artigo, deixe-me compartilhar essa ilustração:

Gaylord Kambarami, o secretário geral da Sociedade Bíblica no Zimbábue, tentou dar um Novo Testamento a um homem muito beligerante. O homem insistiu que rolaria as páginas e as usaria para fazer cigarros. Kambarami disse: "Tudo bem, mas pelo menos me prometa ler uma página do Novo Testamento antes de você fumar." O homem concordou, e os dois seguiram caminhos separados.

Quinze anos depois, os dois homens se encontraram em uma convenção no Zimbábue. O pagão que fumava as Escrituras havia sido salvo e agora era um evangelista em tempo integral. Ele disse à platéia: “Fumei Mateus, fumei Marcos e fumei Lucas. Mas quando cheguei a João 3:16, não pude mais fumar. Minha vida mudou desde aquele momento. A palavra de Deus é mais do que apenas palavras no papel!

A obediência à palavra de Deus é a chave do sucesso, porque nos sintoniza com a harmonia do céu.

Fomos criados à imagem de Deus e formados para viver em harmonia com suas leis. A obediência a ela, assegura nosso sucesso físico e espiritual.

Nunca se esqueça disso!

Em Cristo!

Josué 1:7 - Compromisso com a palavra de Deus!


Compromisso com a palavra de Deus!

Josué 1:7

Dando sequência a postagem anterior, Deus continua sua conversa motivadora com Josué:

Josué teria que ocupar uma posição incerta. Você pode imaginar ter que vestir os sapatos de Moisés? Tomando o lugar de um homem que poderia falar com Deus através de uma sarça ardente?

Derrubar sua vara, e transformá-la em uma cobra, e depois recuperá-la, e encontrar uma vara novamente. Você pode imaginar ser o antecessor de um homem que poderia esticar sua vara e dividir o Mar Vermelho?

Um homem que poderia tirar água de uma rocha quando o povo estivesse sedento?

Não é só isso. Josué agora se vê como o líder de um grupo de pessoas conhecidas por murmurar, reclamar, retroceder e desejando muitas vezes voltar ao Egito, de onde vieram.

Deus agora olha para Josué e diz "você é o homem". Ainda há coisas a fazer. Moisés havia tirado os filhos de Israel da escravidão do Egito, e através de muitas situações precárias, mas agora existe a "terra da promessa" ainda a ser reivindicada. Os habitantes da terra ainda devem ser derrotados e desalojados.

Como Josué conseguirá fazer isso? O que Josué precisa para cumprir essa tarefa incrível? A resposta é que ele precisa crer e fazer o que Deus lhe diz nesses versículos.

_ Josué?

_ Sim meu Senhor!

_ Vou repetir mais uma vez, somente seja forte e muito corajoso.

Qualquer pessoa pode vencer se tem Deus ao seu lado, certo? Então a vitória será tão segura num lugar como em qualquer outro.

O problema é que Josué tinha pela frente uma grande tarefa com uma turma que tinha fracassado muitas vezes no passado.

Isso expõe a fraqueza de Josué; havia uma necessidade para tal ordem, porque mesmo um grande líder como Josué precisava de tal encorajamento.

Josué não era ainda um grande líder em comparação com seu antecessor. Ele não era profeta, nem gênio um construtivo. Ele era apenas um soldado simples e ardente, com energia, rapidez, prontidão, autocontrole e todas as virtudes militares no mais alto grau. A única coisa de que ele precisava era ser "forte e corajoso"; e de novo e de novo neste capítulo você descobrirá que repetirá até que penetre em seus ouvidos.

Essa coragem não estaria no próprio Josué, mas em Deus. Podemos estar cheios de autoconfiança que nos levará à ruína, mas devemos estar cheios de uma genuína confiança de Deus.

A tarefa era de tal magnitude que Josué não podia realizá-la sozinho. O poder divino deveria se unir ao esforço humano. O plano de Deus garantia o sucesso total.

_ Tome cuidado e viva de acordo com toda a Lei que o meu servo Moisés lhe deu.

A lei de Deus já havia sido ensinada ao povo e escrita num livro. A Josué cumpria agora o dever de falar sempre desse livro e meditar nele dia e noite, para obedecer a lei, cuidando para não se desviar dela. Esta seria a chave para o seu sucesso e prosperidade.

_ Não se desvie dela em nada, nem para direita nem para esquerda...

A palavra de Deus e o compromisso de Josué, seriam os pilares que sustentam seu sucesso. Josué não precisava apenas ler a palavra de Deus. Tinha que estar em seus lábios (não se apartará de sua boca), em sua mente (meditar nela dia e noite), e ele deveria vivê-la na prática (observe para fazer de acordo com tudo que está escrito).

O caminho da obediência é o caminho do centro, do equilíbrio. Sempre haverá um caminho à direita e outro à esquerda. Indiscutivelmente ambos sempre estarão equivocados. Uma pessoa pode ir ao extremo em qualquer lado de um caminho certo.

O maligno se contenta tanto em que o cristão tome o caminho da direita, para o fanatismo, como que entre pelo caminho da esquerda, que leva ao liberalismo. Ambos conduzem à destruição.

A Palavra de Deus vivida na prática, é uma garantia do sucesso cristão. Não que prometa uma vida sem problemas, mas assegura uma vida capaz de lidar com qualquer coisa, porque quem a vive, tira total proveito da presença e das promessas de Deus.

_ E você terá sucesso em qualquer lugar para onde for.

Esse último encorajamento, é repetido, e havia sido pronunciado em Josué 1:5, lembrando que o sucesso de Josué não dependia unicamente da sua capacidade. Dependia ainda mais da presença de Deus com ele.

Em Cristo!

A seguir: A chave do sucesso

Josué 1:4-6 - Seja forte e corajoso...

Seja forte e corajoso...

Josué 1:4-6

No artigo anterior, acompanhamos Deus, dizendo a Josué para se levantar e colocar a planta de seus pés na terra que foi prometida a o povo. Josué teria que tomar uma ação. Mas parece que Josué, embora muito capacitado pelos anos de experiência, estava um pouco desanimado com a morte de seu líder. Deus então, continua, reafirmando sua promessa, mostrando inclusive a visão de futuro em termos de territórios bem definidos.

O território preciso da terra é descrito. Esta não foi uma promessa "torta no céu". Descreveu terra real com limites reais.

_ Entregarei a vocês toda a terra que vai desde o deserto, no sul, até os montes Libanos, no norte, e desde o Eufrates, ao leste, até o Mar Mediterrâneo, ao oeste.

A vitória está garantida não porque Josué seja um grande líder, ou porque Israel é uma grande nação, mas porque Deus é um grande Deus, e Ele diz a Josué, eu estarei com você . Isso é suficiente para qualquer homem que busca fazer a vontade de Deus.

É bom lembrar que o povo de Israel não chegou a ocupar todo o território que herdara (apenas 10%).

_ Você nunca será derrotado. Eu estarei com você como estive com Moisés. Nunca o abandonarei.

Sabendo de antemão as provações a frente, Deus de início encoraja a Josué e lhe dá bom conselho:

_ Seja forte e corajoso porque você vai comandar este povo quando eles tomarem posse da terra que prometi aos antepassados deles.

Josué é chamado à ousadia em Deus. Isso expõe a fraqueza de Josué; havia uma necessidade para tal ordem, porque mesmo um grande líder como Josué precisava de tal encorajamento.

Certa vez, ouvi sobre um homem que se vangloriava de ter cortado a cauda de um leão com seu canivete. Perguntado por que ele não havia decepado a cabeça do leão, o homem respondeu: "Alguém já havia feito isso."

Às vezes é fácil ser arrogante e fingir ser corajoso, mas o que Josué precisava de verdadeira bravura e coragem.

Essa ordem de “ser forte”, será repetida diversas vezes a Josué, talvez por causa de seu caráter natural em não desejar uma posição tão proeminente.

Veja que Deus não prometeu a Josué mais do que promete hoje ao cristão. O Criador do universo, o Pai da eternidade, prometeu todos seus recursos para ajudar-nos a vencer e Deus prometeu a Josué nada menos que isso.

Josué, apesar de ser uma pessoa de grande coragem, da qual ele havia dado provas suficientes, ainda precisava dessas exortações, em parte porque seu trabalho era grande, difícil e longo e, em grande medida, novo.

Talvez, por conta de crenças limitantes, tinha uma opinião muito mesquinha de si mesmo, especialmente se comparado com Moisés: e lembrando-se de quão perversas e ingovernáveis ​​aquelas pessoas eram, mesmo sob Moisés, ele poderia muito bem suspeitar que o fardo de governá-las seria pesado demais para seus ombros.

O fato é que Deus nunca prepara algo para que o cristão recue. A falta de coragem é um defeito de fé, e "sem fé é impossível agradar a Deus"...

Uma das maiores necessidades de nossos dias é a coragem. Coragem para confessar a Cristo em palavras e em atos em toda ocasião. Coragem para acreditar na a Bíblia e viver em harmonia com ela.

Coragem para expressar nossas convicções e ater-nos a elas ainda que estejamos em minoria. Satanás não teme a sabedoria, nem a influência, nem as riquezas, mas treme diante de um destemido corajoso que avança com fé.

Um corajoso inspirado por Deus se arma de invencível poder. Deus estava preparando a Josué para desempenhar uma tarefa que exigiria plena fé e confiança nele. Sem dúvida Josué era consciente de sua própria incapacidade. Não tinha almejado à alta honra e à grande responsabilidade da posição que agora era de sua responsabilidade.

Portanto, quando recebeu o convite para assumir o posto deixado por Moisés, deve ter lhe faltado momentaneamente à coragem necessária e precisou receber ânimo da parte de Deus.

Essa coragem não estaria no próprio Josué, mas em Deus. Podemos estar cheios de autoconfiança que nos levará à ruína, mas devemos estar cheios de uma genuína confiança de Deus.

Não devemos confundir coragem com valentia. Coragem é algo que vem de dentro de cada um de nós. E se dentro de você habita o Deus todo poderoso, você pode encontrar uma fonte de coragem inesgotável.

Valentia, por outro lado, vem de fora. Depende de circunstancias externas. Eu posso ser muito valente com alguém menor que eu. Eu posso ser muito valente ao telefone. Então, dependendo das circunstancias externas, posso ser muito valente. Quando sentimos nossa incapacidade, dificilmente seremos valentes.

Quando um ser humano sente verdadeiramente sua própria incapacidade, se pedir coragem a Deus, Ele o capacitará para assumir grandes responsabilidades.

Em Cristo! 

A seguir: O equilíbrio na palavra de Deus

Josué 1:1-3 - A planta de um pé chulezento e as bençãos divinas!


A planta de um pé chulezento e as bençãos divinas!

Josué 1:1-3

Olá pessoal!

Começa agora mais uma etapa da saga bíblica: o livro de Josué, que conta como o povo de Israel conquistou Canaã ajudado por Deus e liderado por...

Isso mesmo, Josué.

Josué é o “ponto alto” do sucesso na história de Israel. As coisas dificilmente poderiam ter sido melhores. Como alguém poderia deixar de ser otimista em relação ao futuro? Mas quando chegarmos ao livro seguinte, o Livro dos Juízes, as coisas ficarão em um nível mais baixo de todos os tempos.

Mas vamos nos concentrar em Josué.

O quadro é o seguinte:

Os Israelitas, acampados na planície de Moabe, estão prontos para entrar em Canaã, a terra prometida. Só que o território do outro lado do Jordão é habitado por um grande número de pequenos reinos que possuem cada qual um exercito.

Boa notícia é que estes reinos estão divididos entre si e enfraquecidos por causa dos muitos anos que passaram sobre o domínio corrupto do Egito. Contudo, para a nação de Israel, a oposição ainda é forte.

Se o território há de ser dominado, será preciso tomar muitas cidades fortificadas, tais como Jericó, Ai, Hazor, e Laquis...

Portanto, tempos difíceis estão à frente...

É preciso travar e ganhar batalhas decisivas, com a ajuda do próprio Deus para realizar grandes milagres para seu povo, a fim de cumprir a suas promessas. Pois muito bem... Depois de enterrar o corpo de Moisés em lugar desconhecido, Deus foi falar com Josué:

_ Josué?

_ Sim meu Senhor!

_ Meu servo Moisés está morto, agora é com você...

Passado é passado! A era antiga havia passado. Moisés havia vivido seus dias. Um novo líder estava em cena. Ele estava agora no banco do motorista. Este mesmo princípio se aplica em todas as facetas da vida. Olhe para a frente. Viva o presente e planeje o futuro. O passado está morto.

Lembre-se da esposa de Ló? Deus disse a seu marido que pegasse a família e saísse de Sodoma e Gomorra porque o julgamento estava vindo. Ele ordenou que eles não olhassem para trás. Mas a esposa de Ló fez isso e transformou-se em uma coluna de sal. Não cometa o erro de viver no passado. Ele vai fechar suas portas e transformar seu futuro em um velho bloco de sal.

_ Fale ao povo para se preparar, porque a invasão de Canaã começa daqui a poucos dias. Estejam preparados para atravessar o rio Jordão e iniciar a conquista.

Perceba caro leitor, a facilidade com a qual os israelitas teriam de conquistar toda a terra, segundo estas palavras do Senhor e mais adiante como veremos na tomada de Jericó. Com Deus, o que é difícil, torna-se mais fácil.


Em certas épocas do ano, o Jordão ficava cheio em suas margens. As águas eram traiçoeiras durante esses tempos. Deus nem sempre nos leva a lugares convenientes ou confortáveis. Às vezes Ele nos conduz através de águas turbulentas. Mas com ele até águas turbulentas, podem ser superadas.

Foi só a infidelidade a Deus o que tornou mais difícil a conquista daquilo que teria sido uma moleza.

_ Como eu disse a meu servo Moisés, eu lhes darei toda a terra que pisarem...

Era um costume primitivo medir com o pé a terra destinada ao cultivo ou à construção. A marca deixada pelo pé era considerada como o símbolo de posse, que indicava que a terra tinha sido marcada pelo pé do suposto dono.

Portanto, esta passagem implica que os israelitas deviam fazer algo para obter posse da terra. Só possuiriam as terras sobre as quais na realidade caminhassem. Tinham recebido uma promessa abundante, mas esta poderia cumprir-se só se esforçassem.

É lei divina meu camarada, tão verdadeira com referência a nossa herança espiritual como o foi no caso da herança literal de Israel. Só quando avançamos com fé, caminhando no cumprimento das promessas de Deus, que estas chegam a ser nossas.

Veja bem... Temos a Bíblia, e podemos dizer que a conhecemos bem, mas de todo este vasto campo de tesouros ilimitados, na realidade podemos não ter mais do que um mero fragmento, se não vivermos na prática o que nela aprendemos.

Até o "lugar onde eu pisar a planta de meu pé chulezento" pode ser meu. Só aquilo do qual temos fé para apropriamos, será nosso!

Grandes áreas descuidadas de nossas vidas aguardam que as possuamos. O mesmo pode se falar do privilégio das bênçãos da graça. Ficam limitadas somente pelos limites que nós mesmos as colocamos.

É isso aí...

Até a próxima postagem!

Em Cristo!

A seguir: Seja corajoso

O Livro de JOSUÉ


INTRODUÇÃO

O Título...

O título do livro leva o nome do sucessor de Moisés, Josué, filho de Nun, da tribo de Efraín. Jesus Cristo e os judeus reconheceram três divisões no AT: a lei, os profetas e os salmos, ou escritos (Luc. 24: 44). Josué é o primeiro livro da segunda divisão, chamada "os profetas" nas Bíblias hebréias, pois seu autor teve a missão de profeta. Portanto, Josué aparece como o primeiro livro dos profetas, ainda que seu conteúdo esteja estreitamente relacionado com o Pentateuco, conhecido pelos judeus como a lei.

O Autor...

Os comentaristas e críticos não estão todos de acordo se o livro foi realmente compilado por Josué. Os críticos insistem em que o livro não é uma unidade literária, composta por um autor, senão compilado a partir de vários documentos. Mas isso não importa, pois a unidade interna do livro é tão evidente por sua narração bem definida, que tal análise documentária não merece uma consideração séria.

O personagem...

Deus escolheu Josué como líder dos acontecimentos prestes a ocorrer. Durante os 40 anos passados no deserto, ele foi íntimo colaborador de Moisés. Foi ministro de Moisés desde as sua juventude, o que mostra sua aptidão como líder espiritual e militar. Quando Israel saiu do Egito, Josué era capitão dos exércitos de Israel, quando este derrotou os (malas) amalequitas. Na qualidade de companheiro leal de Moisés e valente comandante do exercito, era a escolha lógica para representar a tribo de Efraim, quando se escolheu um homem de cada tribo para a suicida missão de espiar Canaã. A coragem e a fidelidade que demonstrou nessa ocasião lhe asseguraram a entrada na terra prometida.

O Tema...

Ao considerar o livro de Josué em seu conjunto, o leitor cuidadoso ficará impressionado ao descobrir a continuação dos fatos registrados no Pentateuco, contados aqui por uma testemunha ocular. O grande tema é a fidelidade de Deus no cumprimento de suas promessas, sob a hábil direção de Josué, o eleito por Deus para realizar o propósito divino.

O fundo histórico...

A Palestina, quando Israel chegou lá na época da conquista sob Josué, não tinha organização governamental central. Esta terra estava sem fortes nações, a bagunça gerava uma ou duas mais fortes do que as outras. Esta terra se fez de pequenas cidades-estados. Ao redor destas cidades foram situadas comunidades que foram governadas por um chefe ou comandante (tipo rei). Portanto existiam vários e muitos reinos pequenos naquela terra, e é por isso que a terra foi conquistada cidade por cidade. O Egito já tinha perdido a sua supremacia, mas estas cidades estados pagavam tributos aos grandes impérios para evitar guerra e ser conquistadas por eles.

O Esboço do Livro...

O livro se divide de forma natural em quatro partes:
1- A entrada na terra prometida
2- A conquista de Canaã
3- A distribuição do país
4- As exortações de despedida de Josué

O que aprenderemos...

Aprenderemos que os eventos descritos tão vividamente no livro de Josué são mais do que mera história antiga. Entenderemos que os princípios divinos acima de tudo, sublinham que a fé implícita em Deus e a obediência a Ele são vitais para a obtenção das bênçãos dEle. Ao estudar este livro você terá a segurança de que as promessas do Reino de Deus se cumprirão ao pé da letra.

Então... Seja bem vindo ao livro Josué!

Em Cristo!



Dicas de como usar este blog



1. Ore, peça que Deus fale com você.


2. Leia em sua Bíblia os versículos sugeridos do dia.


3. Agora leia o comentário no blog dos versículos que você acabou de ler em sua Bíblia.



4. Volte para sua Bíblia, e a personalize, faça anotações, sublinhe etc. Quando você ler novamente estes mesmos versículos, vai lembrar-se da mensagem.


5. Se desejar, deixe seu comentário no blog.


6. Guarde em seu coração, o que você aprendeu com a palavra de Deus neste dia e compartilhe com outras pessoas.


7. Indique este blog.


8. Inscreva-se como um seguidor.


A palavra de Deus não é para ser apenas lida como se lê um livro ou um jornal, é para ser meditada, decorada e estudada.

Seguidores